PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Cassano: ?É impossível Dybala alcançar o nível do Messi?

Principal destaque da Juventus e dono da camisa 10 na atual temporada, Paulo Dybala é tratado como o sucessor de Messi na seleção da Argentina. A comparação entre os compatriotas é alvo de muitos questionamentos e o atacante Antonio Cassano falou sobre o assunto durante a participação no programa de televisão ?Tiki Taka?. Para o [?]

12:45 | 19/09/2017

Principal destaque da Juventus e dono da camisa 10 na atual temporada, Paulo Dybala é tratado como o sucessor de Messi na seleção da Argentina. A comparação entre os compatriotas é alvo de muitos questionamentos e o atacante Antonio Cassano falou sobre o assunto durante a participação no programa de televisão ?Tiki Taka?. Para o ex-jogador italiano, não há o que falar de nenhum dos dois quanto à qualidade, mas elencar o melhor é uma missão muito simples, pois a diferença é muito grande.

?Dybala é um grande jogador, mas a comparação com Messi é injusta, pois um é o melhor da história e o outro tem potencial para estar entre os melhores. O jogador do Barcelona é inalcançável. Quem ainda pode ser levado em consideração é Cristiano Ronaldo, mas Messi ainda é melhor?, disse Cassano, que ainda ressaltou as principais características do jovem argentino. ?Gosto do que vejo nele. É rápido, forte, inteligente e marca gols?, completou.

Em outro momento, Cassano revelou quem será o campeão italiano desta temporada. ?Chegou a vez da Internazionale, foram anos de Juventus, mas o Luciano Spalletti é um grande treinador e vai levar o título?, declarou o ex-atleta italiano.

Dybala e Messi estão atuando em alto nível neste começo de temporada e os dois são artilheiros de seus respectivos campeonatos nacionais. Em quatro partidas disputadas, o jovem atacante marcou oito tentos no Campeonato Italiano e o camisa 10 do Barcelona, cinco, no Espanhol. Com os times no mesmo grupo da Liga dos Campeões, a primeira partida terminou com o clube catalão vencedor e Lionel Messi como o grande destaque, com dois gols.

Gazeta Esportiva

TAGS