PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Arana volta a ser dúvida para o clássico; Marciel fica de sobreaviso

Poderá não ser contra o Santos que o Corinthians enfim voltará a contar com a escalação considerada ideal pelo técnico Fábio Carille. Na tarde desta sexta-feira, o lateral esquerdo Guilherme Arana, recém-recuperado de lesão muscular na coxa esquerda, foi poupado da maior parte do treinamento realizado no CT Joaquim Grava e corre o risco de [?]

18:30 | 08/09/2017

Poderá não ser contra o Santos que o Corinthians enfim voltará a contar com a escalação considerada ideal pelo técnico Fábio Carille. Na tarde desta sexta-feira, o lateral esquerdo Guilherme Arana, recém-recuperado de lesão muscular na coxa esquerda, foi poupado da maior parte do treinamento realizado no CT Joaquim Grava e corre o risco de não participar do clássico de domingo, na Vila Belmiro.

?Vamos aguardar até amanhã. Ontem, ele tinha treinado bem e não sentido nada. Achamos que a fibrose incomodou um pouco hoje. Se não jogar, iremos com o Marciel?, indicou Carille, que preparou o reserva durante atividades vespertinas de posicionamento e bola parada.

Arana vinha sendo substituído por Moisés, que abusou da paciência de torcedores e comissão técnica em suas oportunidades como titular. À época, contudo, ele não tinha a concorrência de Marciel. O volante, testado como lateral esquerdo já na pré-temporada, estava impedido de atuar porque corria risco de ser flagrado em exame antidoping ? consequência de um tratamento contra alopecia areata (queda repentina de cabelos).

?Já era para o Marciel ter recebido uma chance há muito tempo. Por conta do problema que todos conhecem, tivemos que atrasar. Mas está tudo certo agora?, comentou Carille, após ver o prata da casa se exercitar com a sua inseparável touca branca, protegendo a careca.

O treinamento da manhã de sábado, portanto, será determinante para Carille escolher entre Arana ou Marciel contra o Santos. Seja como for, o técnico já terá algumas novidades em sua formação titular ? o zagueiro Balbuena se reabilitou de contusão muscular na coxa direita, e os atacantes Romero e Jô se livraram de suspensão.

?Para nós, foi muito importante essa parada no Brasileiro (em função das rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo). Agora, tenho o Pablo e o Jadson em condições melhores. Além disso, o Balbuena está recuperado. Ele trabalhou com bola na seleção paraguaia?, comemorou Carille.

Além de ter ajustado a sua equipe titular nesta tarde, o técnico permitiu que os jogadores de descontraíssem com um rachão, com cada um deles liberado para dar somente dois toques na bola por vez. O time que tinha Marciel e Moisés saiu vitorioso na movimentação.

Gazeta Esportiva

TAGS