Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Após demissão de Emily, Vadão retorna à Seleção feminina

17:45 | Set. 25, 2017
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

[FOTO1] Com a demissão de Emily Lima, a primeira treinadora da Seleção Brasileira de futebol feminino, Oswaldo Alvarez, o Vadão, volta ao comando do time verde e amarelo depois de dez meses longe do grupo. O anuncio foi feito nesta segunda-feira, após reunião com o presidente da entidade, Marco Polo Del Nero.

Em sua primeira passagem na equipe, o técnico permaneceu no cargo por dois anos e participou da Copa do Mundo do Canadá, em 2015, e também esteve à frente durante o Rio 2016. Na primeira disputa, o Brasil caiu para a Austrália nas oitavas de final. Na segunda competição, perdeu para a Suécia, nas semifinais.

Até agosto deste ano, Vadão liderou o Guarani. Agora, seu objetivo na Seleção é fazer uma boa campanha na Copa América, que acontece em abril, para conseguir vaga no Mundial, que será realizado na França, em 2019, e em Tóquio 2020.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Emily saiu da equipe depois de seis jogos sem vitórias. Ela teve um início arrasador com sete vitórias consecutivas, mas não conseguiu administrar o bom desempenho. Nos últimos embates, empatou um e perdeu cinco disputas.


Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags