PUBLICIDADE
Futebol

Airton exalta oportunidade contra o Sport e elogia boa fase do Avaí

A vitória do Avaí por 1 a 0 sobre o Sport, no último domingo, pelo Campeonato Brasileiro, teve uma surpresa entre os principais nomes. Escolhido para substituir Alemão, o zagueiro Airton não sentiu a pressão e teve grande papel, sendo fundamental para o bom desempenho defensivo da equipe. Nesta quarta-feira, o defensor concedeu entrevista coletiva […]

16:30 | 13/09/2017

A vitória do Avaí por 1 a 0 sobre o Sport, no último domingo, pelo Campeonato Brasileiro, teve uma surpresa entre os principais nomes. Escolhido para substituir Alemão, o zagueiro Airton não sentiu a pressão e teve grande papel, sendo fundamental para o bom desempenho defensivo da equipe. Nesta quarta-feira, o defensor concedeu entrevista coletiva e falou sobre a oportunidade no time, afirmando que segue trabalhando para ser escalado pelo técnico Claudinei Oliveira.

“Estamos trabalhando forte. Não é fácil ficar dois meses sem jogar e depois ser chamado para atuar num nível tão elevado. Trabalhando forte no dia a dia para a hora que surgir a chance eu estar pronto”, analisou.

O zagueiro também exaltou a grande fase que o Avaí vive, ocupando a liderança do segundo turno do Campeonato Brasileiro, com 10 pontos em quatro jogos. Airton falou sobre a necessidade de manutenção deste bom desempenho na luta contra o rebaixamento.

“Realizamos bons jogos até aqui, temos agora três dos quatro jogos em casa e precisamos continuar pontuando forte. Terminar o returno com a melhor campanha, depois de quase três meses na zona de rebaixamento, é um estímulo muito grande para todos nós. O time está um pouco mais leve, o peso de jogar ali embaixo não é fácil. Nesta sequência que a gente vem jogando, será muito difícil para o adversário nos bater aqui dentro, mas precisamos sempre respeitar todos os clubes que nos visitam”, projetou.

O defensor ainda analisou o próximo confronto do Avaí pelo Campeonato Brasileiro, que será diante do Atlético-MG, às 11h(de Brasília) do próximo domingo.

“Precisamos desses três pontos que serão fundamentais na nossa caminhada. Tem muito confronto direto pela frente. Estamos com maturidade e tranquilidade. Temos jogadores experientes para suportar esta pressão. Jogar pela manhã não será novidade para nós, que treinamos todos os dias pela manhã até quase meio-dia. Acaba criando uma casca, tiramos força das dificuldades. Agora que saímos é manter e ter dias mais felizes”, completou.

Gazeta Esportiva