PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Levir vê justiça em empate: ?Ninguém merecia vencer?

Alvinegro e Avaí não conseguiram vencer as respectivas defesas

10:23 | 08/08/2017

O técnico Levir Culpi teve poucos elogios a tecer para o empate sem gols entre Santos e Avaí, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, que fez o Peixe terminar o primeiro turno da competição na terceira colocação. Para o treinador, nem seus comandados nem os de Claudinei Oliveira mereciam sorte melhor na Ressacada.

?Foi desgastante, muito empenho e poucas oportunidades. Mereceu um 0 a 0. Avaí jogou um jogo muito legal, deu duas puxadas ótimas de contra-ataque. Teve bola na trave? Resultado foi justo. Ninguém merecia vencer esse jogo?, avaliou o comandante, elogioso à performance de Jean Mota, lateral nos últimos jogos, que atuou na vaga de Lucas Lima, no meio.

?Achei que ele esteve bem. Não posso cobrar muito, estava na lateral esquerda. Sente muito. Renato que voltou, sentiu. Achei que ele se empenhou muito, não deixou brecha na parte defensiva e faltou coordenação no ataque?, avaliou o comandante, que não quis lamentar muitas vezes a igualdade.

?Agora acabou Brasileiro e é só Libertadores. Temos que reunir forças, recuperar todo mundo e ir buscar a classificação?, comentou Levir, que viu o Peixe vencer o Atlético-PR por 3 a 2 no jogo de ida, na Vila Capanema, pela oitavas de final da Libertadores da América. Com isso, mesmo que perca por 1 a 0 ou 2 a 1 no jogo da quinta-feira, na Vila Belmiro, o clube terá uma vaga nas quartas.

TAGS