PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Kazim pede desculpas ao elenco e à torcida após derrota para o lanterna

O centroavante Kazim completou 31 anos neste sábado e ganhou a oportunidade de ser titular do Corinthians, mas, ao final do dia, não teve o que comemorar. Ele foi ineficiente nas chances ofensivas que o líder do Campeonato Brasileiro criou diante do lanterna Atlético-GO e ainda pecou na marcação no gol do time adversário, vitorioso [?]

23:45 | 26/08/2017

O centroavante Kazim completou 31 anos neste sábado e ganhou a oportunidade de ser titular do Corinthians, mas, ao final do dia, não teve o que comemorar. Ele foi ineficiente nas chances ofensivas que o líder do Campeonato Brasileiro criou diante do lanterna Atlético-GO e ainda pecou na marcação no gol do time adversário, vitorioso por 1 a 0 em Itaquera.

?Preciso de ritmo de jogo, mas isso não é desculpa. Não podia ter perdido o gol. Pedi desculpas para o time e para a torcida porque era importante ganhar esse jogo. Quis muito fazer o gol?, lamentou Kazim, abatido.

Sempre autêntico nas entrevistas que concede com um português carregado de sotaque, o inglês naturalizado turco encarou com naturalidade a sua postura para com os seus companheiros, no vestiário. ?Um homem fala a verdade. Sou homem, e não menino. Quando erro, peço desculpas?, afirmou.

Criticado por alguns torcedores ? no primeiro tempo, havia arrancado aplausos de parte do público por sua disposição ?, Kazim ainda foi defendido pelo técnico Fábio Carille. O comandante corintiano notou o jogador ansioso para ajudar a equipe.

?Quando você joga para um time grande assim, o Corinthians, tem pressão em todo jogo?, disse Kazim, aceitando as cobranças. Ele não marca um gol desde 18 de fevereiro, quando contribuiu com a vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio Osasco Audax, ainda pelo Campeonato Paulista. Antes, havia anotado na goleada por 4 a 1 sobre o Vasco, pela Copa Flórida, disputada na pré-temporada.

Kazim voltará ao banco de reservas do Corinthians na próxima rodada do Campeonato Brasileiro. Jô estará livre de suspensão e reforçará o líder no clássico contra o Santos, em 10 de setembro, na Vila Belmiro.

Gazeta Esportiva

TAGS