PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Jesus diz ser ?questão de tempo? para Neymar virar melhor do mundo

Após reencontrar o atacante Neymar em Porto Alegre, onde a Seleção Brasileira enfrentará o Equador na quinta-feira, o centroavante Gabriel Jesus voltou a elogiar publicamente o amigo. A transferência do principal jogador do time de Tite do Barcelona para o Paris Saint-Germain estava em pauta. ?Não sei se isso vai facilitar, mas vou torcer muito [?]

09:15 | 30/08/2017

Após reencontrar o atacante Neymar em Porto Alegre, onde a Seleção Brasileira enfrentará o Equador na quinta-feira, o centroavante Gabriel Jesus voltou a elogiar publicamente o amigo. A transferência do principal jogador do time de Tite do Barcelona para o Paris Saint-Germain estava em pauta.

?Não sei se isso vai facilitar, mas vou torcer muito para que o Neymar conquiste a Bola de Ouro. Tenho certeza de que é questão de tempo para ele conseguir a Bola de Ouro?, comentou Jesus.

O centroavante ainda abordou, com um sorriso no rosto, os ? 222 milhões (R$ 824 milhões) que o PSG desembolsou para contratar Neymar. Agora, o Barcelona também acena com quantias vultuosas para buscar outro jogador da Seleção Brasileira como substituto para o atacante, o meia Philippe Coutinho, do Liverpool.

?Hoje, o mercado está assim, com todo o mundo sendo bem valioso. O Neymar e o Coutinho merecem. Se eu fizer por merecer, a mesma coisa. A questão é o clube ver quanto você vale e quanto pode pagar?, disse o atleta do Manchester City, para quem a valorização dos jovens jogadores brasileiros não é garantia de sucesso na Copa do Mundo de 2018. ?Prefiro falar que temos que jogar para merecer.?

Na França, Neymar está atuando mais solto, como faz Messi no Barcelona, e não preso à ponta esquerda. Gabriel Jesus não vê problemas se o atacante acabar com menos incumbências defensivas também na Seleção Brasileira.

?A Seleção vem crescendo bastante porque o ambiente é muito bom. Isso faz com que um ajude o outro em campo. Se for para recompor pelo Neymar, pelo Willian, pelo Coutinho ou por quem quer que seja, vou recompor em prol do Brasil. Consigo ajudar muito o time também sem a bola. Isso já é algo meu?, avisou o atleta do Manchester City.

Gazeta Esportiva

TAGS