PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

De volta, Pablo diz não ter pressa para definir o seu futuro

O zagueiro Pablo continua sem saber até quando defenderá o Corinthians. Recuperado de uma lesão muscular na coxa direita, ele reforçou a equipe de Fábio Carille na surpreendente derrota por 1 a 0 para o Atlético-GO, lanterna do Campeonato Brasileiro, neste sábado, em Itaquera. Após a partida, estava mais à vontade para falar do tropeço [?]

22:45 | 26/08/2017

O zagueiro Pablo continua sem saber até quando defenderá o Corinthians. Recuperado de uma lesão muscular na coxa direita, ele reforçou a equipe de Fábio Carille na surpreendente derrota por 1 a 0 para o Atlético-GO, lanterna do Campeonato Brasileiro, neste sábado, em Itaquera. Após a partida, estava mais à vontade para falar do tropeço do líder do que sobre o seu futuro profissional.

?Temos tempo?, disse Pablo, sobre o desacerto com o Corinthians, para o qual está emprestado pelo Bordeaux, da França, até o fim do ano. ?Ainda há quatro meses para conversar. Não acertamos nada. Estou bem tranquilo porque tempos tempo suficiente para resolver isso?, acrescentou.

No mês passado, o Corinthians já dava a questão como resolvida. O clube havia acertado a compra de Pablo por ? 1,2 milhão (R$ 4,5 milhões) mais a cessão de 15% dos direitos econômicos do jovem atacante Malcom ao Bordeaux. Dias depois, porém, Fernando César, o empresário do zagueiro, irritou a diretoria corintiana ao suspender a negociação, alegando que um acordo financeiro com o seu cliente não seria respeitado.

Hoje, Pablo precisa se preocupar também em reabilitar o Corinthians. Após abrir grande vantagem na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, o primeiro colocado começou mal o segundo turno, diante de equipes que lutam contra o rebaixamento. Perdeu para Vitória e Atlético-GO e sofreu para derrotar a Chapecoense.

?Isso servirá para a gente trabalhar ainda mais. Já conversamos e sabemos que o começo do segundo turno está sendo totalmente diferente do primeiro. É claro que gera dúvidas, mas não há nada de anormal. Perdemos por um detalhe?, minimizou Pablo.

Gazeta Esportiva

TAGS