PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Clayton se despede do Corinthians e nega ter fracassado

Em março, cheguei ao Corinthians confiante de que daria o meu melhor em cada jogada, correria por cada bola para representar os mais de 40 milhões de corinthianos. Cinco meses se passaram, e me despeço com a certeza de dever cumprido: um título do Campeonato Paulista e o time com a melhor campanha do Brasileiro. [?]

19:30 | 23/08/2017

Em março, cheguei ao Corinthians confiante de que daria o meu melhor em cada jogada, correria por cada bola para representar os mais de 40 milhões de corinthianos. Cinco meses se passaram, e me despeço com a certeza de dever cumprido: um título do Campeonato Paulista e o time com a melhor campanha do Brasileiro. Agradeço ao Corinthians por todo suporte e confiança depositada no meu trabalho, aos meus companheiros de time, à comissão técnica e a todos os profissionais do clube. Para muitos pode parecer um fracasso ficar apenas cinco meses em uma equipe, mas para mim, pessoalmente e profissionalmente, foi uma experiência muito enriquecedora. Em campo poderia ter sido melhor, mas nem tudo é da forma que planejamos. O time está numa fase excelente e não tive tantas oportunidades. Hoje, retorno ao Atlético-MG para um novo desafio. Agradeço ao professor Rogério Micale pela confiança e ao Atlético, que mais uma vez acredita no meu trabalho. Chego motivado para dar o meu melhor dentro de campo e ajudar meus companheiros a conquistar tudo pelo Galo ð??ð?»ð???ð?»â?«ï¸â?ªï¸

Uma publicação compartilhada por Clayton (@claytonoficial23) em


O atacante Clayton usou uma rede social para se despedir do Corinthians nesta quarta-feira. Emprestado pelo Atlético-MG em troca pelo meia Marlone, o jogador foi pouco aproveitado por Fábio Carille e retornou ao clube de Belo Horizonte a pedido de Rogério Micale.

Apesar de encerrar a sua trajetória como corintiano com apenas dois gols marcados em 14 jogos disputados, Clayton demonstrou orgulho por ter defendido o líder do Campeonato Brasileiro. O jogador afirmou se sentir com â??a certeza de dever cumpridoâ?, apegando-se ao título paulista conquistado no primeiro semestre e à destacada campanha na competição nacional para valorizar a sua passagem.

â??Agradeço ao Corinthians por todo o suporte e a confiança depositada no meu trabalho, aos meus companheiros de time, à comissão técnica e a todos os profissionais do clube. Para muitos, pode parecer um fracasso ficar apenas cinco meses em uma equipe, mas, para mim, pessoalmente e profissionalmente, foi uma experiência muito enriquecedoraâ?, escreveu Clayton.

O atacante reconheceu, contudo, que poderia ter se saído melhor no Corinthians. â??Mas nem tudo é da forma que planejamos. O time está numa fase excelente, e não tive tantas oportunidadesâ?, argumentou, assegurando estar motivado para defender novamente o Atlético-MG.

Nos últimos dias, as publicações de Clayton nessa mesma rede social recebiam uma série de críticas de torcedores do Corinthians, incomodados com o seu mau rendimento. Nesta tarde, prevaleceram os desejos de sorte na sequência da temporada.

Clayton esteve envolvido em uma polêmica no mesmo dia em que sacramentou o seu retorno antecipado ao Atlético-MG. Após levar um drible entre as pernas do jovem volante Warian, em treinamento realizado no CT Joaquim Grava, ele foi displicente na marcação e acabou insultado, aos palavrões, pelo volante Fellipe Bastos.

Gazeta Esportiva

TAGS