PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Portugal vira na prorrogação e fica com o terceiro lugar na Copa das Confederações

16:06 | 02/07/2017
Um jogador de Portugal e um do México disputam a bola por baixo, com os pés (Foto: )
Um jogador de Portugal e um do México disputam a bola por baixo, com os pés (Foto: )

[FOTO1] 

 

De maneira digna e heroica, Portugal fechou sua campanha na Copa das Confederações na Rússia, neste domingo. Jogando pela decisão do terceiro lugar diante do México, os europeus estiveram muito perto da derrota, mas conseguiram o empate nos acréscimos e gol decisivo da virada na prorrogação para sair com o triunfo.

Sem Cristiano Ronaldo, que foi liberado para acompanhar o nascimento dos filhos logo após a eliminação na semifinal, Portugal foi campo sem sua maior estrela até conseguiu o domínio das ações na primeira metade do confronto, deixando passar boas chances de sair na frente no marcador.

O México resistiu praticamente ao duelo inteiro quando pressionado, graças ao goleiro Ochoa. Ao saber contra-golpear, foi recompensado com gol no início da segunda etapa e esteve perto de assegurar o terceiro lugar até o empate salvador de Pepe nos instantes finais do tempo normal.

Na prorrogação, o fantasma dos pênaltis – haviam sido quatro cobrados e nenhum convertido na competição, foi finalmente afastado pelos comandados de Fernando Santos, que em nova oportunidade de balançar a rede na marca da cal, tiveram sucesso com Adrien Silva e sacramentaram o terceiro lugar.

 

Gazeta Esportiva

TAGS