PUBLICIDADE
Divirta-se
diversidade

"Sou o que eu quiser", dispara Bruna Linzmeyer sobre sua orientação sexual

A atriz participou da volta do programa Amor e Sexo e falou sobre liberdade sexual e desconstrução de estereótipos

11:45 | 10/10/2018
A nova temporada de "Amor e Sexo" estreou nessa terça-feira,9 e ainda contou com Jout Jout e George Sauma (Foto: reprodução/ TV Globo)
A atriz Bruna Linzmeyer, que já assumiu publicamente namoro com Priscila Visman e fala abertamente sobre sua homossexualidade, participou do programa Amor e Sexo, da TV Globo, e fez uma fala sobre liberdade sexual e desconstrução de estereótipos.
 
Fernanda Lima, apresentadora da atração, perguntou a Bruna se assumir a orientação sexual publicamente era um posicionamento político. A atriz respondeu que sim e disparou em meio ao seu discurso: "sou o que eu quiser".
 
“Eu acho que é um ato político. Porque eu, como mulher e dentro da caixinha que assumo eventualmente como mulher lésbica, como mulher sapatão... eu não sou só isso. Eu sou uma pessoa livre e, às vezes, nem tão mulher, eu sou o que eu quiser", declarou. 
 
Ela ainda falou sobre o uso de palavras para determinar a sexualidade. "Usar a palavra lésbica, a palavra sapatão, soa muito mais como incômodo do que a palavra gay, que já está naturalizada. Eu acho que é isso, falar sobre as caixinhas e depois sumir com elas”, finalizou. 
 
A nova temporada de Amor e Sexo estreou na noite dessa terça-feira, 9. O programa chega à 11ª edição discutindo temáticas relacionadas à sexualidade e à diversidade. A estreia ainda contou com a youtuber Jout Jout e o ator George Sauma como convidados.
 
 
Redação O POVO Online