PUBLICIDADE
Divirta-se
Novela

Em "O Outro Lado do Paraíso", Patrick dá fora em Adriana e diz que ama outra

De acordo com o site oficial da trama de Walcyr Carrasco, ele não revelará que está apaixonado por Clara (Bianca Bin), mas dirá que ama uma mulher que só o vê como amigo

13:55 | 12/01/2018
(Foto: Divulgação/TV Globo)
Em "O Outro Lado do Paraíso", Adriana, papel interpretado pela atriz Julia Dalavia, dará em cima de Patrick (Thiago Fragoso) e levará um fora do advogado. De acordo com o site oficial da trama de Walcyr Carrasco, ele não revelará que está apaixonado por Clara (Bianca Bin), mas dirá que ama uma mulher que só o vê como amigo.
Com o passar dos dias, Adriana já estará rejeitando a mãe, Elizabeth/Duda (Gloria Pires), e já saberá que é irmã de Clara. A personagem começará a se mostrar uma pessoa de caráter duvidoso e chegará ao ponto de acusar Duda de matar seu avô.
 
Na novela, Natanael terá um ataque cardíaco ao fingir que vai assassinar a ex-nora. Ele estará usando uma arma de brinquedo na ação, mas será o vilão quem acabará morrendo. Após o enterro do pai de Henrique (Emílio de Mello), Patrick sairá mais com Adriana para dar conselhos e tentar minimizar sua tristeza.
 
"Eu vou apoiá-la em tudo, Adriana. Não precisa ter medo", dirá o advogado. Ele terá acabado de anunciar que vai montar um escritório em Palmas para ela comandar. "Eu tenho confiança em você. Mais que isso. Não percebeu ainda, Patrick?", perguntará Adriana. "Do que está falando?", indagará o loiro.
 
Em seguida, Adriana colocará sua mão sobre a dele e soltará: "Eu e você temos muitas coisas em comum. Desde a primeira vez que nos vimos, eu olhei para você de maneira especial". Patrick, então, vai puxar a mão dele e se manterá distante da moça. "Não. Não notei seus olhares. Peço desculpas se dei a entender que também tinha as mesmas intenções", dirá.
 
Aparentemente envergonhada, Adriana perguntará se ele tem alguém. "Não! Não tenho. Mas eu amo uma mulher. Prefiro não dizer o nome. Só que ela me vê como amigo, como o melhor amigo do mundo. Eu a amo tanto, que aceito ser amigo para ter condições de estar mais próximo dela", explicará o advogado.
 
Redação O POVO Online