PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Ceará tem 47% das UTIs ocupadas; ocupação em enfermarias é de 24%

O monitoramento leva em consideração unidades públicas e particulares da Unidade Federativa

Gabriela Almeida
19:10 | 26/07/2021
31 pessoas estavam na fila de espera por leitos específicos para o tratamento da Covid-19 no Ceará, nesta segunda-feira, 26. (Foto: JÚLIO CAESAR)
31 pessoas estavam na fila de espera por leitos específicos para o tratamento da Covid-19 no Ceará, nesta segunda-feira, 26. (Foto: JÚLIO CAESAR)

Ceará registra ocupação de 47,17% de suas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e de 24,96% de suas enfermarias, conforme informações publicadas no IntegraSUS, plataforma da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), baseadas em dados colhidos até às 18h04min desta segunda-feira, 26. O monitoramento leva em consideração unidades públicas e particulares da Unidade Federativa. 

Em análise mais detalhada das "UTIs Covid", como são chamados os equipamentos que cuidam de casos mais graves da doença pandêmica, a ala adulto é a que registra o maior índice de ocupação, de 48,98%. UTI infantil e neonatal registram 45,45% e 5%, respectivamente. Ala gestante não teve atualização.

LEIA MAIS | Ruas e avenidas de Fortaleza com limite de 60km/h terão redução para 50km/h

Perdeu o dia D de vacinação em Fortaleza? Saiba como fazer para ser vacinado

Nas enfermarias, que recebem casos menos graves da doença, a ala que aparece mais ocupada é a infantil, cujo índice de ocupação é de 48,08%. Enfermaria adulto registra 20,98% de ocupação e a ala voltada para o tratamento de gestantes está ocupada em 8,33%. A ala neonatal não teve atualização.

No Hospital Leonardo da Vinci (HELV), referência no tratamento de Covid-19 no Estado, estão ativos 49 leitos para adultos. Desses, 45 aparecem ocupados no monitoramento. Já na UTI infantil, o equipamento tem em funcionamento - até o período analisado, 27 leitos, sendo que 26 desses estão ocupados.

Em todo Ceará, 31 pessoas aguardam na fila de espera por leitos específicos de tratamento da doença. Desses pacientes, 21 esperam pela transferência a enfermarias e 10 esperam por leitos de UTI. Os dados são também do IntegraSUS e foram colhidos até às 13h10min de hoje.