PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Tratamento da AstraZeneca que busca curar Covid-19 apresenta resultado negativo

O procedimento com anticorpos, denominado AZD7442, tinha como objetivo prevenção e tratamento da doença. O tratamento, que não se trata da vacina já aprovada, estava em sua terceira fase de desenvolvimento

22:08 | 15/06/2021
O desenvolvimento do tratamento é financiado pelo governo dos Estados Unidos (Foto: RONALDO SCHEMIDT / AFP)
O desenvolvimento do tratamento é financiado pelo governo dos Estados Unidos (Foto: RONALDO SCHEMIDT / AFP)

A farmacêutica anglo-sueca AstraZeneca anunciou nesta terça-feira, 15, que suas pesquisas para um tratamento que busca curar a Covid-19 não apresentou resultados positivos. O procedimento com anticorpos, denominado AZD7442, tinha como objetivo prevenção e tratamento da doença. “O teste não alcançou o objetivo principal de prevenir os casos sintomáticos de Covid-19 depois da exposição ao vírus”, declarou a empresa em comunicado.

O tratamento estava em sua terceira fase de desenvolvimento, isto é, realizando testes em larga escala para mensurar segurança e eficácia. Participaram do estudo 1.121 adultos com mais de 18 anos não-vacinados que foram expostos a uma pessoa infectada com coronavírus nos oito dias anteriores ao início do acompanhamento. A chance de desenvolver Covid-19 com sintomas foi reduzida em apenas 33% dos participantes.

LEIA MAIS | Vacinas de AstraZeneca e Pfizer parecem eficazes contra variante Delta, diz Fauci

Apesar disso, a empresa continua a testar o remédio em pessoas antes da exposição ao vírus e naquelas que desenvolveram quadros graves. O desenvolvimento do tratamento é financiado pelo governo dos Estados Unidos, que assinou contrato para recebimento de até 700 mil doses ainda neste ano. O valor dos acordos chega a US$ 726 milhões.