PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Covid-19: veja quais são os bairros de Fortaleza com mais crescimento em casos e mortes

Levantamento realizado por O POVO comparou os dados dos dois últimos boletins epidemiológicos de janeiro e março de 2021 divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS)

Lais Oliveira
11:25 | 30/03/2021
 Guararapes é dos bairros de Fortaleza com maior aumento percentual em óbitos. (Foto: Aurelio Alves)
Guararapes é dos bairros de Fortaleza com maior aumento percentual em óbitos. (Foto: Aurelio Alves)

Em Fortaleza, os bairros Parque Araxá, Dendê e Aracapé apresentam os maiores aumentos percentuais nos casos de Covid-19 neste ano. Já as maiores altas em óbitos causados pela doença no primeiro trimestre de 2021 incluem os bairros Cajazeiras, Guararapes e Cambeba. Levantamento realizado por O POVO comparou os dados dos dois últimos boletins epidemiológicos de janeiro e março de 2021 divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Dentre os 121 bairros, a alta mais evidente de infecções pelo coronavírus ocorreu no Parque Araxá, com 127,01%. O bairro da antiga Regional III passou de 174 casos no fim de janeiro para 395 no fim de março. Também no Parque Araxá os óbitos tiveram incremento de 120%, saltando de 10 para 22.

Localizado na antiga Regional IV, o Dendê apresentou o segundo maior aumento de infecções por Covid-19, registrando alta de 114,86%. No final de janeiro, o bairro tinha 74 infecções que passaram a 159 no fim do primeiro trimestre do ano. Os óbitos tiveram acréscimo de 36,36% no bairro, subindo de 11 para 15.

Aracapé detém o terceiro maior aumento de casos de Covid-19 no período analisado: 105,05%. Casos avançaram de 99 para 203 durante o primeiro trimestre do ano. As mortes na localidade da antiga Regional V cresceram 22,73% (22 para 27).


Bairros com as maiores altas em óbitos

 

Em relação aos óbitos, o bairro Cajazeiras apresentou a maior alta de mortes (260%) na Capital neste ano, passando de cinco óbitos por Covid no final de janeiro para 18 no final de março. No mesmo bairro, o crescimento de casos foi de 78,85% no decorrer do período analisado, subindo de 331 para 592 infecções por Covid-19.

Guararapes, antiga Regional II, teve a segunda maior alta (166,67%) em mortes, subindo de 3 para 8 óbitos pelo coronavírus. Enquanto isso, os casos no bairro aumentaram 48,87%, saltando de 487 para 725.

Na antiga Regional VI, o Cambeba figura com o terceiro maior aumento nas mortes por Covid-19 em 2021: 133,33%. Os óbitos computados saíram de 6 para 14. Já o aumento de casos chegou a 87,50%, com as infecções passando de 448 para 840.

Números absolutos

 

Messejana, Aldeota e Meireles lideram em números absolutos de casos pela Covid-19 em Fortaleza, segundo o último boletim divulgado na última sexta-feira, 26, pela SMS. Entre janeiro e março, os bairros apresentaram avanço de até 61% nos indicadores de infecções. Apesar da alta porcentagem, eles não figuram entre os maiores incrementos avaliados no primeiro trimestre do ano.

Em se tratando de número absoluto de mortes por Covid-19, Barra do Ceará (160), Mondubim (147) e Prefeito José Walter (136) estão nas maiores posições na Capital. Os bairros tiveram crescimento percentual de até 53% dos óbitos de janeiro a março deste ano.

Veja os maiores aumentos em casos e óbitos por Covid-19 segundo as antigas regionais em Fortaleza:

Comparação entre dados dos boletins epidemiológicos divulgados pela SMS em 29 de janeiro de 2021 e 26 de março de 2021

Regional I

Maiores crescimentos de casos desde o final de janeiro
São Gerardo: 76,49%
Vila Velha: 69,87%
Farias Brito: 68,63%

Maiores crescimentos de óbitos desde o final de janeiro
Vila Ellery: 88,89%
Monte Castelo: 74,19%
Jardim GUanabara: 41,94%


Regional II

Maiores crescimentos de casos desde o final de janeiro

Centro: 86,94%
Cidade 2000: 78,54%
Manuel Dias Branco: 67,50%

Maiores crescimentos de óbitos desde o final de janeiro


Guararapes: 166,67%
Cidade 2000: 66,67%
Joaquim Távora: 65,22%

Regional III

Maiores crescimentos de casos desde o final de janeiro

Parque Araxá: 127,01%
Parquelândia: 90,59%
Bom Sucesso: 80,68%

Maiores crescimentos de óbitos desde o final de janeiro

Parquelândia: 121,74%
Parque Araxá: 120,00%
Rodolfo Teófilo: 53,66%

Regional IV

Maiores crescimentos de casos desde o final de janeiro

Dendê 114,86%
Vila Peri 91,88%
Bom Futuro 91,88%

Maiores crescimentos de óbitos desde o final de janeiro

Itaperi: 86,36%
Demócrito Rocha: 81,25%
Benfica: 65,00%

Regional V

Maiores crescimentos de casos desde o final de janeiro

Aracapé: 105,05%
Parque São José: 100,39%
Jardim Cearense: 95,21%

Maiores crescimentos de óbitos desde o final de janeiro

Conjunto Esperança: 100,00%
Maraponga: 84,62%
Conjunto Ceará: 77,27%

 

Regional VI

Maiores crescimentos de casos desde o final de janeiro

Ancuri 95,77%
Cambeba 87,50%
Paupina 80,78%

Maiores crescimentos de óbitos desde o final de janeiro

Cajazeiras 260,00%
Ancuri 100,00%
Cambeba 133,33%