PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Paciente com Síndrome de Down no Amazonas tem piora e família pede leito de UTI

Família busca transferência para internação em Manaus. Émerson Júnior, 30, está em um hospital de campanha

09:52 | 26/01/2021
O ato foi realizado como forma de acalmar o paciente Émerson Júnior, de 30 anos, que temia o uso da máscara com oxigênio (Foto: Mirene Borges Da Silva)
O ato foi realizado como forma de acalmar o paciente Émerson Júnior, de 30 anos, que temia o uso da máscara com oxigênio (Foto: Mirene Borges Da Silva)

Émerson Júnior, 30, tem piora no quadro e a família luta por transferência para Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) em Manaus. O paciente com Síndrome de Down viralizou nas redes sociais após uma foto dele abraçado com um enfermeiro, que tentava acalmá-lo, ser compartilhada. Émerson está há seis dias no hospital e apresenta complicações derivadas do novo coronavírus.

Eliane Ferreira Loureiro, irmã de Émerson, solicitou a transferência do irmão para o hospital em Manaus, mas ainda não foi atendida. “Ele está com o mesmo enfermeiro de ontem, que não mede esforços para salvá-lo. Mas o problema é que ele não reage mais a tanto sofrimento. O problema são os recursos, aqui não tem leito de UTI, ele precisa ser levado em uma UTI Móvel”, afirmou Eliane em suas redes sociais. Até então, Émerson está em um hospital de campanha de Caapiranga (AM).

Procurada pelo UOL, a Secretaria de Saúde do Amazonas disse que "não há condições clínicas que garantam a remoção do paciente para Manaus com segurança. As remoções obedecem a critérios definidos pelos médicos do Complexo Regulador, entre eles o de gravidade do caso e condições clínicas para que seja realizado o transporte aéreo ou terrestre".

A fotografia que viralizou foi registrada pela paciente Mirene Borges da Silva, também em tratamento do novo coronavírus. A paciente disse que o enfermeiro, Raimundo Nogueira Matos, pediu para abraçar Émerson para acalmá-lo e colocar o oxigênio. “O enfermeiro abraçou e ele ficou ali quietinho. Achei a cena tão linda, foi um anjo que estava naquele momento e que fez com que aquela agonia que ele sentisse passasse. Foi uma coisa tão maravilhosa, e a foto reflete isso. Foi um aconchego de Deus naquele abraço”, disse ao UOL.

Leia Mais - Enfermeiro abraça paciente com Covid-19 para dar oxigênio no Amazonas