PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Em reunião com Doria, Camilo defende distribuição simultânea das vacinas para os estados e início da campanha o mais breve possível: "Não abrirei mão"

Governador do Ceará, Camilo Santana, publicou nas redes sociais foto de reunião que teve com governo de São Paulo, onde negocia aquisição de vacina contra coronavírus para o Ceará. À tarde, Santana estará no Instituto Butantan para conhecer o trabalho de producao da vacina

Gabriela Feitosa
11:46 | 15/12/2020
Também nesta terça, durante a tarde, Camilo estará no Instituto Butantan para conhecer de perto o trabalho de produção da vacina  (Foto: DIVULGAÇÃO Governo do Estado de São Paulo)
Também nesta terça, durante a tarde, Camilo estará no Instituto Butantan para conhecer de perto o trabalho de produção da vacina (Foto: DIVULGAÇÃO Governo do Estado de São Paulo)

O governador Camilo Santana se reuniu na manhã desta terça-feira, 15, com o governador de São Paulo, João Doria, e o presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, para discutir as questões legais de produção e logística que envolvem a aquisição da vacina contra o coronavírus pelo Brasil. Camilo comentou em suas redes sociais como foi encontro e disse que a distribuição simultânea para os estados e o início da vacinação o mais breve possível são pontos chaves no tema. "Fiz questão de reforçar a importância do plano contar com todas as vacinas registradas, com distribuição simultânea para os estados, e que o início da vacinação seja o mais rápido possível, com a devida segurança", escreveu Camilo.

Ainda na segunda, 14, Camilo Santana e sua equipe conversaram sobre a produção da vacina contra a Covid-19 pelo Butantan e sobre o Plano Nacional de Imunização com o atual ministro da saúde, Eduardo Pazuello. Camilo ainda acrescentou que defende que o momento deve ser "da união de todos, independente de questões partidárias ou ideológicas". Na opinião do governador cearense, o mais importante é a garantia da saúde da nossa população. "E disso não abrirei mão", pontuou.

Também nesta terça, durante a tarde, Camilo estará no Instituto Butantan para conhecer de perto o trabalho de produção da vacina.

TAGS