Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Cabeto faz contato com outros países para apressar vacinação contra Covid-19 no Ceará

A intenção, conforme Dr. Cabeto, é vacinar contra Covid-19 primeiro as pessoas de grupo de risco, "que precisam ser mais protegidos"
19:40 | Dez. 01, 2020
Autor Matheus Facundo
Foto do autor
Matheus Facundo Repórter do portal O POVO Online
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O secretário da Saúde do Ceará, Carlos Roberto Martins Rodrigues, o Dr. Cabeto, informou nesta terça-feira, 1º, que tem mantido contato com o estado de São Paulo, onde há produção e parceria com laboratórios de vacina para a Covid-19, além de também estar acionando outros países onde pesquisas são desenvolvidas. O titular da Secretaria da Saúde (Sesa) afirmou que pretende disponibilizar a imunização à população cearense "no tempo mais rápido possível".

LEIA MAIS| Seis pessoas morreram de Covid-19 nas últimas 24 horas no Ceará

A intenção, conforme Dr. Cabeto, é vacinar primeiro as pessoas de grupo de risco, "que precisam ser mais protegidos". Em vídeo divulgado pela Sesa, o secretário reforçou que a transmissão do novo coronavírus ainda está ativa e que são necessários cada vez mais cuidados sanitários para atravessar a pandemia no Estado.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em crescimento desde outubro, o número de casos confirmados da doença tem se concentrado em Fortaleza e atingido uma população mais jovem, de menos de 50 anos. "80% dessas pessoas tem menos de 50 anos de idade. Isso faz com que a gente entenda, em parte, o porquê não aumentamos o numero de pacientes de forma significativa em UTI e leitos de enfermaria", explica Cabeto.

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags