PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Dezenove lutadores de sumô testam positivo para coronavírus

A Associação Japonesa de Sumô (AJS) informou que 19 lutadores da equipe Tamanoi, uma delas das divisões superiores, testaram positivo para Covid-19

07:40 | 10/09/2020
Espectadores observando o distanciamento social enquanto assistiam a uma cerimônia antes das lutas durante um torneio de sumô no Ryogoku Kokugikan, a principal arena de sumô em Tóquio. Em 19 de julho de 2020 (Foto: AFP)
Espectadores observando o distanciamento social enquanto assistiam a uma cerimônia antes das lutas durante um torneio de sumô no Ryogoku Kokugikan, a principal arena de sumô em Tóquio. Em 19 de julho de 2020 (Foto: AFP)

Um foco de coronavírus em um centro de treinamento de Tóquio provocou a infecção de 19 pessoas, anunciou a entidade que comanda o tradicional esporte japonês, que confirmou a organização de um torneio a partir de domingo.

 

A Associação Japonesa de Sumô (AJS) informou que 19 lutadores da equipe Tamanoi, uma delas das divisões superiores, testaram positivo para Covid-19.

 

Doze foram internados e sete, assintomáticos, foram colocados em quarentena.

 

Os casos foram detectados depois que um lutador que apresentava sintomas foi diagnosticado com o novo coronavírus na semana passada. A equipe Tamanoi organizou exames para 32 pessoas que tiveram contato com o lutador.

 

Nenhum integrante da equipe participará no torneio de setembro, que começará no domingo em Tóquio e deve durar duas semanas.

 

Um lutador de sumô faleceu em maio, vítima da Covid-19.

 

A AJS cancelou um torneio em maio, apenas a terceira vez que isso aconteceu na história do sumô. A entidade manteve o torneio de julho, com número limitado de espectadores.

 

O foco de coronavírus foi anunciado no momento em que o Japão flexibiliza as restrições, após uma redução do número de novos casos desde agosto.

 

A capital Tóquio, a região do país mais afetada pela pandemia, deve reduzir o nível de alerta a partir de sexta-feira.