PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Centros de assistência social do Interior recebem kits de combate à Covid-19

Ações para minimizar a contaminação pelo novo coronavírus já auxiliaram profissionais de Creas de 37 municípios

19:08 | 17/07/2020
Entrega de kits contra Covid-19 para Creas (Foto: Divulgação)
Entrega de kits contra Covid-19 para Creas (Foto: Divulgação)

Por Leonardo Reis

Especial para O POVO

A Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SPS) está com ação de distribuição de kits de abordagem às equipes dos Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas). No total são 113 Creas e oito Centros pop. Até o momento 37 municípios já receberam os kits para serem distribuídos aos Creas. Na próxima segunda-feira, 20, a ação da SPS irá entregar 61 kits em mais 29 municípios do Estado. Nesta nova etapa, serão atendidos os Creas das macrorregiões da Serra da Ibiapaba, Litoral Oeste e sertões de Sobral e Crateús.

No total serão distribuídos 243 kits, sendo 32 para os Centros pop e 211 para os 113 Creas. Segundo a SPS, os Creas atendem cerca de 5.940 pessoas mensalmente por todo o Estado.

Os kits de abordagem reúnem equipamentos de proteção individual (EPIs), como álcool em gel, luva descartável látex, máscara em tecido, protetor facial, protetor solar, touca descartável, bolsa, camisa e garrafinha de plástico. Contém ainda material didático com jogos educativos, prancheta em MDF, tesoura sem ponta, borracha, cola, caneta e lápis.

O projeto possui parceria com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) e tem como objetivo dar maior segurança de trabalho aos profissionais que atuam com busca ativa em territórios com incidência de trabalho infantil, exploração sexual de crianças e adolescentes, como explica Mônica Gondim, coordenadora de Proteção Social Especial da SPS.

Preocupada com as consequências da pandemia e com a vulnerabilidade social, Mônica destaca: “Nesse período de pandemia, o uso de EPIs é essencial para resguardar a saúde dos técnicos do Creas, bem como do público que eles visitam e atendem nas comunidades”.

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >