PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Ministério Público faz inspeção virtual de abrigos de idosos em Fortaleza

Recanto Bom Viver, na Parquelândia, foi o primeiro lar de permanência de Fortaleza a passar pela inspeção virtual

15:14 | 12/06/2020

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) realizou a primeira inspeção virtual em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILIPIs). O Recanto Bom Viver, na Parquelândia, foi a primeira atendida pela 15ª Promotoria de Justiça de Fortaleza, na última quarta-feira, 10. O promotor de Justiça José Aurélio da Silva presidiu a inspeção

O promotor de Justiça, Hugo Porto, que coordena a área do idoso do Grupo Especial de Combate à Pandemia do Novo Coronavírus do MPCE participou da inspeção online. De forma presencial, apenas a assistente social do Núcleo de Apoio Técnico do Ministério Público (Natec), Margareth Araújo Viana, participou da inspeção visitando o Recanto Bom Viver.

LEIA TAMBÉM | Abrigo de Idosos tem 36 acolhidos recuperados de Covid-19

Na ação, foi verificado se a unidade está tomando as devidas providências para execução dos planos de contingência e recomendações do MPCE. Foi solicitado inclusive que a coordenadora da institução mostrasse os quartos, banheiros, cozinha e locais de acondicionamento de alimentos e equipamentos de proteção individual (EPIs).

Também foram abordadas questões sobre casos suspeitos e confirmados da Covid-19, além do uso e descarte de material de proteção. Ficou encaminhado que a ILPI deve seguir os protocolos de contingência e preencher semanalmente os formulários elaborados pelo Ministério Público e pelo Conselho Estadual dos Direitos do Idoso (Cedi).

Dessa forma, a situação da unidade poderá ser acompanhada e serão disponibilizados materiais de proteção e higienização adequados tanto para os idosos quanto para os profissionais.