PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Com retomada econômica, isolamento social cai 10,7 pontos percentuais no Ceará

A primeira fase de retomada da economia marcou a menor taxa de isolamento social no Estado (40,5%) desde primeiro decreto de quarentena

Catalina Leite
10:17 | 10/06/2020
No Ceará, a retomada começou nesta segunda-feira (Foto: Aurelio Alves/O POVO)
No Ceará, a retomada começou nesta segunda-feira (Foto: Aurelio Alves/O POVO)

Desde o primeiro decreto de isolamento social no Ceará, iniciado no dia 20 de março, o Estado registrou a menor taxa de distanciamento nessa segunda-feira, 8, com apenas 40,5%. A adesão à medida de restrição tem caído desde o dia 22 de março, quando atingiu o maior índice de isolamento, 63% - no dia 20 de março, a taxa era de 43,8%.

Os dados são da consultoria InLoco, que demonstra queda do número de pessoas em casa mesmo em períodos de lockdown e pico de casos confirmados e mortes por Covid-19 no Estado. Com a implementação da primeira fase de retomada econômica na Capital nesta segunda-feira, 8, o Ceará registrou 40,5% de isolamento. São 10,7 pontos percentuais a menos quando comparado com a taxa de de domingo, 7, que era de 51,2%. Comparado com a segunda-feira anterior, dia 1º, a taxa também caiu: de 44,2%, do dia 1º, para 40,5% no dia 8.

A reportagem do O POVO acompanhou os primeiros dias da abertura comercial e observou aglomerações, em especial dentro de shoppings e nas filas de espera para entrar em estabelecimentos comerciais no Centro.

LEIA TAMBÉM | Isolamento social cai 8,75 pontos percentuais em primeiro dia de fase de transição da reabertura da economia

Reabertura em Fortaleza: chega a 24 número de estabelecimentos fechados por funcionamento sem autorização

"Não há data definida para início de qualquer fase", frisa Camilo sobre retomada da economia

Segundo o governador Camilo Santana, a flexibilização depende de alguns fatores, como a taxa de ocupação de unidades de tratamento intensivo (UTIs). Para o início da fase um, por exemplo, a taxa de ocupação de UTIs deveria estar em pelo menos 85%. Atualmente, o índice em unidades para adultos está em 82,14%, indica o IntegraSUS.

O Ceará chegou a 69.023 casos confirmados e 4.359 mortes pelo novo coronavírus, de acordo com dados atualizados às 17h53min desta terça-feira, 9, na plataforma IntegraSUS. Das mortes registradas, 17 ocorreram nas últimas 24 horas. 

Cenário brasileiro

O mesmo padrão é visto no Brasil. No dia 22 de março, o País teve 62,2% de adesão às medidas restritivas, a maior taxa desde então. Entretanto, registrou apenas 38% nessa terça-feira, 9.

Nesse dia, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), anunciou a reabertura do comércio na Capital a partir desta quarta-feira, 10. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), também já detalhou plano para flexibilizar o isolamento em algumas regiões do estado. SP é o estado brasileiro com mais casos confirmados de Covid-19 (150.138), segundo o portal do Ministério da Saúde, atualizado às 18h45min dessa terça.

LEIA TAMBÉM | Ministério da Saúde estaria pressionando até a Abin para maquiar dados sobre Covid-19, afirma jornal

STF ordena que Ministério da Saúde volte a divulgar dados completos do coronavírus

Ministério da Saúde recua e passa a divulgar boletim do coronavírus às 18 horas

Os dados dão conta de que o Brasil chegou a 38.406 mortes e 739.503 casos confirmados pelo novo coronavírus nessa terça-feira. Foram 1.272 óbitos e 32.091 casos a mais que segunda-feira, 8.

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >