PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Forças de segurança atendem 339 ocorrências de aglomerações e comércios abertos em Fortaleza; 9 pessoas são autuadas

O levantamento foi realizado entre as 19 horas de quinta, 7, até as 8 horas deste domingo, 10 e está no relatório do Gabinete de Gestão de Eventos Complexos (GCEC) instalado na sede da SSPDS

15:53 | 10/05/2020
Agentes realizam fiscalização em blitze. Foto: Ascom SSPDS (Foto: Foto: Ascom SSPDS)
Agentes realizam fiscalização em blitze. Foto: Ascom SSPDS (Foto: Foto: Ascom SSPDS)

339 ocorrências de aglomerações de pessoas e de comércios abertos foram atendidos pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) entre as 19 horas de quinta, 7, e as 8 horas deste domingo, 10, em Fortaleza. Os números estão registrados no relatório do Gabinete de Gestão de Eventos Complexos (GCEC), instalado na sede da SSPDS, na avenida Bezerra de Menezes, com a presença física e remota de representantes das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e outras instituições envolvidas no plano operacional. Nove pessoas foram autuadas por descumprimento do Decreto Estadual n° 33.574, que impôs o lockdown (bloqueio total) e limita o deslocamento no Ceará somente para serviços considerados essenciais.

Das 339 ocorrências, 233 foram relacionadas a casos de aglomeração e 106 foram de comércios não essenciais em funcionamento. As Áreas Integradas de Segurança (AIS) que registraram mais ocorrências foram as AIS 1, composta por bairros como Aldeota, Praia de Iracema e Vicente Pizón; AIS 3, com bairros como Jangurussu e conjunto Palmeiras; e a AIS 4, composta por bairros como Centro e Carlito Pamplona.

As equipes abordaram um total 15.444 veículos durante as ações concentradas nas barreiras fixas e nas blitze móveis. Os condutores que não tiveram seus deslocamentos justificados foram orientados a retornarem aos seus domicílios. Nove pessoas foram autuadas por descumprir o decreto estadual e por outros crimes identificados nas mesmas ocorrências, como roubo, receptação, porte ilegal de arma de fogo, associação criminosa, perturbação do sossego alheio, embriaguez ao volante e desacato.

Como denunciar
A população pode ajudar nas ações de combate ao novo coronavírus. Além de cumprir as medidas de isolamento, as pessoas podem denunciar condutas que desrespeitem o Decreto Estadual n° 33.574. As informações podem ser repassadas ao número 190 da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops). O sigilo é garantido.

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >