PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

África alcança as mil mortes por coronavírus

18:48 | 17/04/2020
Uma adoradora borrifa água em si mesma enquanto ora com um homem em uma kopje (colina) perto do distrito de Matshobana em Bulawayo Zimbabwe, em 11 de abril de 2020, durante o bloqueio estabelecido para conter a propagação da pandemia do COVID-19. (Foto: ZINYANGE AUNTONY / AFP)
Uma adoradora borrifa água em si mesma enquanto ora com um homem em uma kopje (colina) perto do distrito de Matshobana em Bulawayo Zimbabwe, em 11 de abril de 2020, durante o bloqueio estabelecido para conter a propagação da pandemia do COVID-19. (Foto: ZINYANGE AUNTONY / AFP)

A pandemia do novo coronavírus deixou mil mortos na África desde que apareceu na China em dezembro, três quartos das quais em Argélia, Egito, Marrocos e África do Sul, segundo um balanço da AFP a partir de fontes oficiais às 20h GMT (17h de Brasília) desta sexta-feira (17).

Segundo estas cifras, o continente tem mil mortes e 19.334 casos. A África e a Oceania são os continentes menos afetados pela pandemia, que matou pelo menos 150.147 pessoas no mundo. A Argélia é o país africano com o maior número de mortos por COVID-19 (364), à frente de Egito (205), Marrocos (135) e África do Sul (50).

bur-vg/aud/lb/pc/yow/mvv