PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Espanha registra 757 mortos em 24h por coronavírus, segunda alta consecutiva

Este aumento pelo segundo dia consecutivo acontece depois de o balanço diário ter recuado várias vezes. Em 2 de abril foi seu registro mais alto: 950 mortes em 24 horas.

08:24 | 08/04/2020
Barcelona â.‹â.‹em 6 de abril de 2020. Um profissional de saúde vestindo um traje de proteção. (Foto de Pau Barrena / AFP) (Foto: Pau Barrena / AFP)
Barcelona â.‹â.‹em 6 de abril de 2020. Um profissional de saúde vestindo um traje de proteção. (Foto de Pau Barrena / AFP) (Foto: Pau Barrena / AFP)

A Espanha registrou 757 mortes por coronavírus nas últimas 24 horas, número que representa o segundo aumento diário consecutivo do número de óbitos no país, totalizando 14.555 desde o início da pandemia - anunciou o Ministério da Saúde nesta quarta-feira (8).

Este aumento pelo segundo dia consecutivo acontece depois de o balanço diário ter recuado várias vezes. Em 2 de abril foi seu registro mais alto: 950 mortes em 24 horas.

Segundo país mais atingido no mundo pela Covid-19, depois da Itália, a Espanha também registrou nas últimas horas um aumento no número de casos notificados, que chegou a 146.690.

De qualquer modo, em termos percentuais, o aumento tanto de óbitos quanto de novos casos se manteve estável nesta quarta. Conforme as autoridades sanitárias, essa tendência confirma que a epidemia se estabilizou.

Como dado positivo, o número de pessoas que receberam alta subiu hoje, a 48.021, um terço do total de casos notificados.

As regiões mais afetadas continuam sendo Madri, com pouco mais de um terço dos falecimentos (5.586), e Catalunha, onde as mortes chegam a 3.041.

Para frear os contágios, os 46,6 milhões de espanhóis se encontram, desde 14 de março, sob um rígido confinamento. Prorrogada pelo Executivo até pelo menos até 25 de abril, a medida espera apenas a ratificação do Congresso na quinta-feira.