PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Comunidade "fecha" praia de Cascavel contra coronavírus

Fica vedada também a entrada de visitantes na localidade, exceto vendedores de serviços essenciais e proprietários de casas de praia

Leonardo Maia
11:56 | 26/03/2020
Os moradores iniciaram a fiscalização como forma de conter o avanço da Covid-19 na comunidade. Órgãos públicos auxiliam no bloqueio instalado (Foto: Via WhatsApp O POVO)
Os moradores iniciaram a fiscalização como forma de conter o avanço da Covid-19 na comunidade. Órgãos públicos auxiliam no bloqueio instalado (Foto: Via WhatsApp O POVO)

Moradores da comunidade de Balbino, em Cascavel, município localizado no Litoral Leste do Estado, intensificaram ações para cumprir ordens determinadas por decreto municipal e sensibilizar as pessoas a não sair de casa e criar aglomerações na localidade. Por meio da associação de moradores, a comunidade instalou faixas que insistem que os habitantes interrompam a circulação na praia, mercadinhos e outros estabelecimentos.

Também foram proibidos visitantes na comunidade. A exceção é para vendedores de água, gás e alimentos, além daqueles que possuem casa de praia na comunidade. Ambos também devem seguir as normas que foram decididas. A locação de imóveis no fim de semana ou por temporada no período de quarentena também está desautorizada.

Segundo nota divulgada, a associação contará com apoio da Polícia Militar e o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) para realizar o bloqueio na entrada da comunidade. A ação acontece com revezamento das equipes e durará até o período que o decreto estiver em vigor e a crise na saúde perdurar.

“O objetivo é sensibilizar as pessoas sobre o risco eminente da proliferação do vírus, podendo proibir ações de pessoas que vier contra a legislação vigente”, aponta o Ato Extraordinário 01/2020 divulgado pelos moradores.