PUBLICIDADE

Confira sugestões de filmes com temática LGBT

18:17 | 25/03/2020
Aqueles Dois (2018)

Aqueles Dois, de Emerson Maranhão, está disponível na página oficial do Grande Prêmio do Canal Brasil e concorre com outros 10 curtas-metragens, escolhidos por votação popular.
Aqueles Dois (2018) Aqueles Dois, de Emerson Maranhão, está disponível na página oficial do Grande Prêmio do Canal Brasil e concorre com outros 10 curtas-metragens, escolhidos por votação popular. (Foto: Fotos Divulgação)

Que tal aproveitar o isolamento forçado para fazer uma mini maratona cinematográfica com temática LGBT (XYZ)? Muitos cineastas, produtoras e plataformas estão disponibilizando gratuitamente seu acervo, só que por um período limitado, geralmente um mês. Cena G deu uma garimpada e indica alguns nesta edição.

O primeiro deles é o documentário São Paulo em Hi Fi (2013), de Lufe Steffen. O longa mostra a evolução da cena gay na capital paulista dos anos 1960 até o finalzinho dos 1980. Superpremiado, o filme é obrigatório para entender a origem de muito do que vivemos hoje e traz entrevistas com o escritor João Silvério Trevisan, os jornalistas Celso Curi, Leão Lobo e Mário Mendes, o historiador norte-americano James Green, a empresária Elisa Mascaro e Kaká di Polly, entre outros.

Na mesma plataforma, a SP Cine Play, também estão disponíveis os cinco episódios da série Famílias (2018), de André Bomfim. Com sobrenomes como D'Matthah, Vallentyne Lawinny, Mad Queen, Lobos ou Stronger, essas famílias são grupos compostos por jovens e adolescentes LGBT vindos da periferia, que resolveram se unir não pelo laço de sangue, mas pelo afeto e pelo desejo de conquistar o espaço público sem medo.

Outro filme que está disponível, só que no Vimeo, é o curta-metragem Reforma (2018), do pernambucano Fábio Leal. Protagonizado pelo próprio diretor, o filme tem cenas pra lá de picantes ao contar a história de Francisco, um homem insatisfeito com seu corpo.

Aproveitando a deixa, vale a pena assistir a O Porteiro do Dia (2017). Também escrito e dirigido por Fábio Leal, o filme narra o encontro carregado de desejo sexual entre dois jovens, um rapaz de classe média, gay, e o outro heterossexual, casado, pai, e porteiro do prédio onde o primeiro vive.

Na pagina oficial do Grande Prêmio do Canal Brasil estão disponíveis 11 curtas-metragens nacionais, dos quais dois com temática LGBT. O primeiro é O Orfão, de Carolina Markowicz, que apresenta Jonathas, um órfão que é adotado por uma nova família. Porém, o garoto é devolvido ao orfananto com a justificativa de que ele age de um jeito "estranho".

O segundo é Aqueles Dois (2018), escrito e dirigido por este colunista, cuja foto aparece ali em cima. O curta apresenta Caio José e Kaio Lemos. Duas vidas unidas por uma condição que define suas existências.

Só lembrando que o Grande Prêmio Canal Brasil reúne curtas premiados nos principais festivais de cinema brasileiros. E a votação, que está aberta e é através de voto popular, escolherá o grande vencedor de 2020.

Por fim, a última dica vai para o também premiadíssimo O Melhor Amigo (2014), de Allan Deberton. Com o fofo do Jesuíta Barbosa à frente do elenco, o curta conta a história de Lucas e Felipe, amigos que no primeiro dia de férias decidem ir à praia. Dizer mais é correr o risco de dar spoilers.

 

Émerson Maranhão