PUBLICIDADE

Jornal do Leitor: Enquanto ainda te sinto

01:30 | 17/03/2020

Teus lábios vermelhos

Tingidos de vinho

Teu perfume de cigarro

Tua cara comum

E teus olhos velozes

Olham-me e me devoram

Não me deixam respirar

Olham-me e me consomem

Quase não consigo caminhar

Teus lábios vermelhos de algum vinho barato

Teu gosto de uva e álcool maltratado

Tua pele tão áspera que quase me dói

E mesmo tu indo

Ainda te sinto em meus lençóis...

 

Naryane Gomes

TAGS