PUBLICIDADE

Jornal do Leitor: Versos de um jovem que resiste

01:30 | 08/10/2019

Um jovem chegou de mansinho no coletivo proclamando seu respeito e orgulho pela favela, chegou propondo poesia aos passageiros, e assim o fez!

Pediu que naquele instante os passageiros do coletivo desligassem o botão do preconceito e ligassem o da empatia. Trouxe em seus versos Paulo Freire, versículos da Bíblia e Racionais MC's. Pois bem, o mlk é plural!

Segundo ele e suas rimas a revolução não será com armas de fogo, mas sim com papel, caneta e com a favela graduada. A gente bota fé, irmão!

Entre seus versos, desabafou, que até poderia parecer loucura levar poesia para dentro dos ônibus da cidade, mas quem sabe um mlk no busão se inspira em sua arte e abandona o oitão... Valeria o esforço!

Destacou com ênfase e tomado por suas certezas que valores e riquezas transcendem o capital, disse ainda que se Deus falasse com a gente ele diria, tmj Irmão!

Pois bem, jovem, um salve para sua coragem e afronte ao sistema!

 

Suzana Moreira Barbosa

TAGS