Participamos do

Review: Snk Vs Capcom Card Fighters Clash

De um portátil do passado a um do presente, jogo mantém divertido e viciante
14:08 | Jan. 25, 2022
Autor Davi Rocha
Foto do autor
Davi Rocha Autor
Ver perfil do autor
Tipo Opinião

Continuando com os lançamentos dos jogos de Neo Geo Pocket no Nintendo Switch, a SNK tira da manga o jogo “SNK vs Capcom Card Fighters Clash”. O jogo é mais um resultado de crossover com a sua lendária rival também japonesa, a Capcom, mas dessa vez em um formato diferente das lutas e embates entre a turma de Kyo e Terry e a galera de Ryu e Ken.

Misturando várias franquias das duas grandes softhouses em um jogo de cartas, o jogador embarca em uma jornada pela cidade para reunir as seis moedas SC do torneio de cartas que está acontecendo, para enfrentar o seu rival nas finais e ser coroado como o rei dos jogos de cartas, uma temática que remete muito ao seu contemporâneo “Pokémon Trading Card Game”, porém com regras de combate muito mais simples que sua contraparte.

Cada jogador pode lançar até 3 lutadores em cada lado, onde as cartas são simbolizadas pelos personagens das softhouses
Cada jogador pode lançar até 3 lutadores em cada lado, onde as cartas são simbolizadas pelos personagens das softhouses (Foto: Divulgação)

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Cada jogador pode lançar até 3 lutadores em cada lado, onde as cartas são simbolizadas pelos personagens das softhouses. Eles podem ser lançados como lutadores principais ou como suporte dos lutadores existentes. Além dos personagens, existem cartas de ação que deixam o jogo ainda mais interessante e adicionam estratégias aos decks, que podem ser montados com um total de 300 cartas considerando as duas versões do jogo?

Sim, você não leu errado: versões no plural. A versão do Switch conta com as duas versões que foram lançadas oficialmente no Japão, que definem se o deck inicial do jogador será temático entre Capcom ou SNK, além de cartas exclusivas para cada versão, que precisam ser trocadas com jogadores da outra versão para que seja tudo completo. O que é uma verdadeira pena para essa versão do Switch, que simplesmente porta o jogo tal qual ele era no Neo Geo Pocket e não adiciona nenhuma novidade a ele, tão pouco um modo online para realizar essas trocas ou disputar cartas online, o que seria uma adição muito bem vinda para esse tipo de jogo. Existe um modo multiplayer, porém apenas local.

Esse jogo é mais um apelo para os fãs da SNK e da Capcom e da era dourada de ambas as empresas nos anos 1990 e começo dos anos 2000. Cheio de referências para as mais variadas franquias, que vão de "The King of Fighters" até jogos mais desconhecidos aqui no Brasil como "Robo Army" e "Buriki One" pelo lado da SNK, e de "Street Fighter" até "Red Earth" e "Forgotten Worlds" do lado da Capcom.

Simples, divertido e saudoso para os entusiastas, porém sem novidades e pouco atraente para novos jogadores, SNK vs Capcom: Card Fighters Clash já está disponível no Nintendo Switch

Davi Rocha é integrante do canal de Youtube Bacontástico

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags