PUBLICIDADE
Tecnologia
Brasília

Comissão da Câmara aprova lei que proíbe limite de banda larga fixa

O Projeto de Lei terá de passar pelas comissões de Ciência e Tecnologia e Comunicações e de Constituição de Justiça e de Cidadania. O texto busca vedar a implementação da franquia limitada de consumo nos planos de internet banda larga fixa

16:45 | 14/06/2017

Nesta terça-feira, 13, o projeto de Lei nº 7.182/2071 foi aprovado pela Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados. De autoria do senador Ricardo Ferraço, o PL proíbe os provedores de internet de imporem planos de franquia de consumo aos usuários de banda larga fixa.

A ideia de limitar o consumo partiu da Vivo e logo foi acompanhada pelas outras operadoras. Desde o ano passado, o tema vem preocupando os internautas. Após ser aprovada pelo Senado, o texto tramita na Câmara desde o dia 21 de março deste ano. O Projeto de Lei ainda terá de passar pelas comissões de Ciência e Tecnologia e Comunicações e de Constituição de Justiça e de Cidadania.

A proibição proposta no Projeto de Lei é incluída no capítulo dos diretos e garantias dos usuários do Marco Civil da Internet (Lei nº 12.965/2017). De acordo com o inciso, o PL busca vedar a implementação da franquia limitada de consumo nos planos de internet banda larga fixa.

Redação O POVO Online