PUBLICIDADE
Política
'VÍCIOS'

Perito aponta edição em gravação envolvendo Michel Temer, segundo jornal

O laudo é do perito judicial pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Ricardo Caires dos Santos

22:46 | 19/05/2017

A gravação divulgada da conversa entre o presidente Michel Temer (PMDB) e o empresário Joesley Batista, um dos donos da JBS, teve mais de 50 edições, segundo a perícia contratada pela Folha de São Paulo.

O laudo é do perito judicial pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Ricardo Caires dos Santos. Para ele, há indícios claros de edição, mas "não para falar com que propósito".

O material tem "vícios, processualmente falando", o que a invalidaria como prova jurídica, avaliou o perito à Folha.

"É como um documento impresso que tem uma rasura ou uma parte adulterada. O conjunto pode até fazer sentido, mas ele facilmente seria rejeitado como prova", disse Santos.