PUBLICIDADE
Fortaleza
nesta quinta

Danificadas pelas chuvas, trilhas do Parque do Cocó são fechadas

Desde esta manhã, os portões de trilhas do parque permaneceram fechados

15:47 | 09/03/2017

As chuvas inundaram parte das trilhas, inviabilizando as caminhadas (Fotos: Demitri Túlio/ O POVO)

Até esta sexta-feira, 10, dependendo da previsão da Funceme, as trilhas do Parque do Cocó estarão fechadas. Segundo Paulo Lyra, gerente do equipamento público, é questão de segurança para os usuários da floresta urbana. A interdição acontece apenas na parte interna, sendo que o calçadão da rua Padre Antônio Tomás - em cima e no bosques das mangueiras - está liberado para caminhada.

Desde a manhã desta quinta, os portões das trilha Principal (pela avenida Sebastião de Abreu), Das Salinas (pela engenheiro Santana Júnior) e das Azeitoneiras (pela Padre Antônio Tomás) permaneceram fechados. Por causa das prolongadas chuvas em Fortaleza e no município metropolitano de Pacatuba (onde o rio Cocó nasce na serra da Aratanha), o rio transbordou nas áreas mais baixas do parque, o que impede a caminhada ou a corrida.

Escada que dá acesso ao mirante, na Engenheiro Santana Júnior, foi destruída

No lago das Ninféias, onde a gerência do Parque realizava uma obra de elevação da ponte de madeira, o trabalho foi suspenso. As correnteza acabou arrastando algumas madeiras do piso e as que margeiam a trilha das Samambaias.

Outro fator que atrapalha as caminhadas, além das áreas inundadas, é a grande quantidade de muriçocas. A presença delas aumenta, tornando insuportável o deslocamento dos andarilhos e corredores.

Acompanhe no O POVO se você poderá fazer, amanhã, corrida ou caminhada no interior do Parque do Cocó.

Confira vídeo:

 

DEMITRI TúLIO