PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Grupo Teatro de Caretas faz temporada pelo País

Mesmo em meio a período difícil para as políticas culturais, companhia cearense tem conseguido projeção nacional por meio de parcerias

01:30 | 19/06/2017

O espetáculo A Casa da Mãe Joana compõe o repertório do grupo cearense. A montagem Final de Tarde também será apresentada FERNANDA LEAL/DIVULGAÇÃO
O espetáculo A Casa da Mãe Joana compõe o repertório do grupo cearense. A montagem Final de Tarde também será apresentada FERNANDA LEAL/DIVULGAÇÃO
Cachês atrasados, falta de investimento em editais, ausência de palcos na Capital. Apesar do cenário desanimador, o grupo Teatro de Caretas tem conseguido avançar e, mesmo sem investimento público, vem realizando circulação pelo País. A partir de parceria que estabelece com grupos e eventos Brasil afora, a companhia sai agora em temporada que passará por São Paulo, Rondônia e Acre. 

“Em um momento como esse em que tudo relacionado a cultura está paralisado, vai ser muito importante para a gente essa troca, porque esses eventos acabam sendo mais do que um espaço de apresentação e se tornam uma oportunidade de reflexão e de debate”, celebra a diretora Vanéssia Gomes. A companhia apresentará os espetáculos Final de Tarde, A casa da mãe Joana e  ainda lançará o livro Teatro de Rua.

A temporada começa pelo XX Encontro da Rede Brasileira de Teatro de Rua, que acontece este ano na cidade de Prudente (SP) entre os dias 29 de junho e 2 de julho. No fim do próximo mês, o Caretas parte para o Norte para compor a programação do Festival Amazônia em Cena na Rua, dos dias 24 a 30 de julho. Em seguida, de 1° a 7 de agosto, os cearenses participam do Festival Matias de Teatro de Rua, no Acre. 

“São todos eventos organizados pelos próprios grupos. Os festivais têm conseguido congregar o Brasil inteiro. Vai ser uma possibilidade de um grupo de Fortaleza conhecer essas experiências e multiplicar o conhecimento que adquiriu”, aponta Vanéssia, ressaltando, porém, que questões como passagem e hospedagem têm se tornado ainda mais difícil pela falta de recursos desses eventos. 

Este ano, o Caretas já havia realizado uma temporada pelo Centro-Oeste e a diretora comemora justamente o fato de os grupos do Nordeste estarem buscando ir além do eixo Rio-São Paulo em suas viagens. “É interessante ter essa compreensão do Brasil por completo. O Norte tem essa questão do isolamento devido a distância e pelo alto custo das passagens de avião, que acabam tornando muito caro transitar por lá”, pondera. 

Segundo a artista, mais do que nunca, diante da falta de fomento por parte do Ministério da Cultura (Minc), os grupos precisam buscar parcerias para conseguir circular. “O MinC está paralisado e parece haver um esforço político para nossa desmobilização, mas os artistas e a comunidade dão a resposta: a gente tem que se encontrar, se unir, criar formas de fazer nosso trabalho”, enfrenta. 

 

Saiba mais

 

Publicação reúne experiências O Grupo Teatro de Caretas apresenta o livro Teatro de Rua - Discursos, Pensamentos e Memórias em Rede, organizado por Vanéssia Gomes, Licko Turle e Jussara Trindade. A obra foi lançada na Capital durante a programação da XII Bienal Internacional do Livro do Ceará e reúne múltiplos olhares de algumas práticas/ experiências artísticas de artes cênicas feitas com e para a rua. A publicação traz textos de nomes como Amir Haddad (RJ), André Carreira (SC), Mirtthya Guimarães (PB), Narciso Telles (MG) e outros atores e diretores integrantes de um ou mais coletivos ou grupos de teatro de rua de todo o Brasil. (Renato Abê) 

 

Serviço

 

Livro Teatro de Rua Editora: Aldeia Casa Viva Quanto: R$ 20 Outras informações: O livro pode ser adquirido na sede do Cena Casarão (rua. Floriano Peixoto, 1437 - Centro) e pelo email vanessiagomes@gmail.com 

RENATO ABê