PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Não ao desmonte do Sine/IDT!

01:30 | 20/01/2017

Mal se iniciou, 2017 já trouxe com ele uma péssima notícia: o anúncio, pelo Governo do Ceará, de um ajuste fiscal que vai atingir em cheio a classe trabalhadora. A redução anunciada é de, no mínimo, 15% dos recursos do orçamento estadual para as organizações sociais, o que pode inviabilizar as ações do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT) – responsável, no Ceará, pela execução do Programa do Sistema Nacional de Emprego (Sine). Para nós, essa é mais uma tentativa de se atenuar uma grave crise econômica penalizando um segmento social cujos direitos deveriam ser invioláveis.


No Ceará, o Sine já existe há quase 40 anos – sendo 18 deles executado pelo IDT e de onde já foram gerados muitos frutos. Perguntamos: por que não seguir assim, servindo de exemplo, justamente quando há uma demanda crescente pelos serviços do programa? Seria cômico se não fosse trágico e antagônico – logo um programa como o Sine prestes a gerar desemprego...


A notícia caminha na contramão da busca de solução para uma situação já penosa. Ela reduz de forma considerável boa parte do que o estado oferece aos trabalhadores e trabalhadoras. Esses cortes não vêm de agora e já resultaram em demissão de funcionários e fechamento de unidades, gerando perda da qualidade do serviço prestado à população. O prejuízo maior atinge os que mais precisam dos serviços prestados pela instituição: o cidadão e a cidadã em busca de emprego e renda.


Esse corte orçamentário em âmbito estadual vem ainda em um péssimo momento: quando a própria União já vinha pondo em risco a Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), executada pelo Sine/IDT, em parceria com o Dieese, governo estadual e Ministério do Trabalho. A pesquisa mede os indicadores do mercado de trabalho do Ceará e já está paralisada em várias capitais.


O Sine/IDT é referência do sistema público de emprego do País e é exemplo na execução de políticas, programas e ações na área de trabalho e renda. Em defesa da política de emprego, dizemos “não” ao desmonte do Sine/IDT!


Wil Pereira

presidencia@cutceara.org.br

Presidente da Central Única dos Trabalhadores no Ceará

(CUT-CE)

TAGS