PUBLICIDADE
Futebol

Bem na Liberta, Jean Mota deve ganhar chance no meio contra o Flu

09:45 | 13/08/2017

Jean Mota aguardou Levir Culpi no duelo contra o Atlético-PR, pela Libertadores (Foto: Ivan Storti/ Santos FC)
 

Apesar de ser meia de origem, Jean Mota ganhou seu maior espaço no time principal do Santos substituindo Zeca por dois meses na lateral esquerda. Com o retorno do titular, porém, ele acabou deixando o posto. Mesmo assim, o camisa 39 deve voltar a ser uma das primeiras opções do técnico Levir Culpi no embate com o Fluminense, nesta segunda-feira, às 20h (de Brasília), no Pacaembu, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Isso porque na vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-PR, na última quinta-feira, pela Libertadores, os volantes Yuri e Alison decepcionaram na etapa inicial. Por conta disso, Jean Mota entrou no segundo tempo e deu conta do recado, auxiliando Lucas Lima na armação e deixando o Peixe mais ofensivo contra o Furacão.

Antes de Vecchio se machucar, Levir Culpi já vinha armando o alvinegro com dois meias e apenas um jogador de contenção. Porém, com a saída do argentino e também do veterano Renato, com dores na coxa direita, o comandante apostou em dois volantes e não gostou do desempenho da formação.

Na tarde deste domingo, o Santos faz seu último treino antes do duelo contra o time carioca. A tendência é que Jean Mota participe da atividade na vaga de Yuri.

Com isso, o alvinegro deve entrar em campo na próxima segunda com: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Jean Mota (Yuri) e Lucas Lima; Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.


Gazeta Esportiva