Séries 23/06/2016 - 19h07

A história por trás de Game of Thrones

Com o final da sexta temporada marcada para este domingo, 26, Game of Thrones pretende surpreender com mais um capítulo da trama. Em homenagem ao evento, separamos alguns momentos da série que foram inspirados em fatos reais
notícia 0 comentários
{'grupo': '', 'id_autor': 19092, 'email': 'danielcosta@povo.com.br', 'nome': 'Daniel Costa'}
Daniel Costa danielcosta@povo.com.br
{'grupo': '', 'id_autor': 19007, 'email': 'lucianasantos@opovo.com.br', 'nome': 'Lua Santos'}
Lua Santos lucianasantos@opovo.com.br
divulgação

Dragões, guerras, bruxas e massacres. Na série Game of Thrones, produzida pela HBO, todo esse mundo de conflitos e criaturas mágicas existe. A obra, que encerra sua sexta temporada neste domingo, 26, conta a história de várias famílias que brigam pelo poderoso Trono de Ferro de Westeros. Mas para quem pensa que isso acontece apenas em ficção, está enganado.

Em todas as temporadas da obra, George R. R. Martin, criador da série,  inspirou-se em grandes momentos da história medieval da Europa para contar uma obra mais rica em detalhes. Conheça abaixo três situações que vão te deixar de boca aberta ao descobrir que aconteceram na Idade Média.

Casamento Vermelho (O Jantar Negro)

divulgação
Casamento Vermelho

Ficção:

Considerado um dos momentos mais sangrentos da franquia, o Casamento Vermelho aconteceu na terceira temporada da série. No evento, que foi realizado nas Gêmeas, localizadas nas Terras Fluviais, foram assassinados dois membros importantes do clã Stark: Robb Stark, Rei do Norte, e Catelyn Stark, matriarca da família. O massacre, que aconteceu durante uma celebração de casamento, foi realizado pelos os lordes Walder Frey  e Roose Bolton diante da quebra de uma promessa de casamento de Robb.

Realidade:
Diferente do Casamento Vermelho, o Jantar Negro aconteceu numa festa infantil na Escócia, em 1440. Dessa vez, as vítimas foram dois jovens, William Douglas, que tinha 16 anos e era líder do clã mais poderosos da Escócia, e seu irmão menor, David. Após um banquete, os servos do rei Jaime II, de dez anos de idade, colocaram uma cabeça de touro negro à mesa, que simboliza “massacre iminente” na era medieval.

A Batalha de Blackwater (Fogo grego)

divulgação
A Batalha de Blackwater

Ficção:

Situada no penúltimo episódio da segunda temporada de Game of Thrones, a Batalha de Blackwater foi um bom exemplo de disputa de poder entre  Stannis Baratheon e Joffrey Baratheon.   Para vencer esta batalha, que aconteceu próxima ao muro do porto real, rodeado por águas, Joffrey contou com ajuda de seu tio Tyrell Lannister, no qual lançou vários frascos de “Fogovivo” para destruir navios das tropas inimigas.

Realidade:
Assim como “Fogovivo” utilizado nas guerras de Game of Thrones, o “fogo grego” também era usado em batalhas navais pela marinha bizantina. A arma, que era considerada incendiaria, tinha o poder de explodir diferentes navios inimigos devidos suas reações químicas com a água.


A Muralha (Muralha de Adriano)

divulgação
A Muralha

Ficção:
Ao norte de Westeros, é possível avistar uma construção enorme feita de gelo sólido e rocha.  Intitulada de “Muralha”, a estrutura, que apresenta 200 metros de alta e quase 500 quilômetros de extensão, separa e protege os sete reinos das terras do povo selvagem. Para isso, o lugar conta com ajuda da Patrulha da Noite para manter a paz entre os dois lados da fronteira.


Realidade:
Na Muralha de Westeros, o que não falta é muita neve ao seu redor. Mas se você tirar esse elemento, é possível identificar uma clara referência a uma estrutura fundada pelo imperador romano Públio Élio Trajano Adriano, conhecida como “Muralha de Adriano”. Localizada na Grã-Bretanha, a construção, feita de pedra e madeira, tinha como função proteger o território romano contra as investidas militares de tribos que habitavam a região da Escócia, como os Pictos e os Escotos.

Mulheres que viraram história
Três marcantes personagens femininas de Game of Thrones guardam em si pinceladas de verdadeiras figuras históricas. Brienne, Melisandre e Cersei foram inspiradas em importantes mulheres que deixaram marcas na Europa assim como elas deixaram em Westeros.

Brienne ou Joana D’Arc?
Mais do que a armadura, a força de uma guerreira move tanto Brienne quanto moveu Joana. A francesa Joana D’Arc cresceu motivada a ajudar seu reino na luta contra a Inglaterra. Ela entrou para o Exército francês e desempenhou importante papel durante a Guerra dos Cem Anos. Acabou sendo capturada e condenada à morte na fogueira. Enquanto Brienne, obcecada por lealdade, traz na espada a força de sua personalidade.

divulgação
Brienne

Melisandre ou Maria I da Inglaterra?
O que elas têm de diferentes em termos de beleza, têm de parecidas em termos de apreço pelo fogo. Maria I reinou entre 1553 e 1558 e, neste curto tempo, ganhou o apelido de “Maria Sangrenta”. Isso por que ela costumava condenar protestantes à fogueira por não seguirem o catolicismo. Algo similar fez Melisandre, ao condenar membros dos Stannis ao fogo por não destruírem as imagens de seus deuses que não fossem o Lord of Light.
divulgação
Melisandre

Cersei Lannister ou Marguerite D’Anjou?
Marguerite subiu ao trono para garantir a paz entre os reinos da Inglaterra e a França. De seu casamento com Henrique VI, nasceu Edward de Westminster, cuja legitimidade paterna foi amplamente questionada. Já Cersei casou-se com Robert para garantir a paz entre os clãs Baratheon e Lannister. Ela deu a luz a Joffrey, fruto de sua relação incestuosa com Jamie. Tanto Edward quanto Joffrey tinham o sadismo e a perversão em comum: ambos tinham como hobby torturar e matar pessoas.
divulgação
Cersei Lannister

Serviço
O último episódio da sexta temporada de Game of Thrones
Para conferir as últimas emoções da sexta temporada de Game of Thrones, bastar assistir os canais pagos HBO ou HBO 2 às 22h do domingo. O episódio pretende mostrar muitos acontecimentos e indagações, como o julgamento de Cersei Lannister e as consequências do renascimento de Jon Snow.

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:

Vídeos

BDSM: Prazer Fora da Caixa - Parte 2 play

BDSM: Prazer Fora da Caixa - Parte 2

anterior

próxima