Mobile RSS

rss
Assine Já
Concerto 16/08/2012

Bravo!

Concerto histórico de Plácido Domingo inaugura o Centro de Eventos do Ceará. Apresentação foi marcada por clássicos internacionais, canção dedicada à mãe do governador e homenagem ao País com Aquarela do Brasil e Garota de Ipanema
FOTOS ETHI ARCANJO
Momento de dueto no concerto. Plácido Domingo divide canção com uma das sopranos que o acompanham em turnê pelo mundo
Compartilhar

O tapete vermelho estendido na frente do Centro de Eventos do Ceará entregava que a noite era de muito glamour. Afinal, para a inauguração oficial deste novo espaço de Fortaleza foi convidado nada menos que Plácido Domingo. A única apresentação do tenor espanhol aconteceu na noite de ontem (15), para uma plateia formada exclusivamente por convidados.

 

Talvez por isso mesmo, o clima ao redor do Centro de Eventos era de total calmaria. Sem problemas de filas, estacionamento ou trânsito, políticos, empresários, artistas e produtores de eventos iam chegando e entrando no salão, onde foram recebidos por um coquetel de sucos naturais e salgadinhos. Entre as presenças mais disputadas pelos fotógrafos estavam a senadora Marta Suplicy (PT-SP) e a ministra da Casa Civil Gleisi Hoffman, representando Dilma Housseff. Em entrevista coletiva após a apresentação de Domingo, o governador Cid Gomes ainda lamentou a ausência da presidente. “Mas quem faz a agenda dela é ela”, afirmou.


Com tudo acontecendo de acordo com o programado, Plácido Domingo pode subir ao palco poucos minutos depois das 21h, horário previsto para o show. Algumas pessoas chegaram após esse horário e não puderam entrar no enorme salão. Quem entrava no espaço da apresentação também não poderia sair sequer para ir ao banheiro, o que acabou gerando algum incômodo na plateia. Ainda assim, a noite ainda seria longa, com apresentações de músicos locais e do humorista Tom Cavalcante.


A festa


Espumante rosé e frutos do mar

Logo após o show de Plácido Domingo foi oferecido jantar aos convidados, em serviço à americana pelos oito bufês espalhados pelo salão. Com menu variado, mas destacando os peixes e frutos do mar, os pratos poderiam ser acompanhados por espumante rosé, vinho tinto, uísque 12 anos, sucos e refrigerantes. Em um segundo palco, o cantor Gustavo Serpa e banda executava canções tradicionais do repertório mundial, com direito a clássicos da música brasileira.

Compartilhar
espaço do leitor
Elias Alves de Lima 16/08/2012 20:22
Enquanto isso, o Hospital-Maternidade de Quixadá, e outros mais sabe-se lá, ameaçãm fechar as portas por falta de ajuda dos Governos Federal, Estadual e Municipal. Sem contar que o povo é quem bancou toda essa mordomia para o Governador, seus parentes e amigos. E sabemos que os pobres pagam mais.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Nonato Cruz Consultor Óptico 16/08/2012 13:21
E viva a divisão de classes!!! Para a elite, Plácido Domingo. Para o povo, Wesley Safadão...Será que os eleitores do governador terão pelos menos direito a um copo d'água???rsrsrs
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Nonato Cruz Consultor Óptico 16/08/2012 13:19
E viva a divisão de classes!!! Para a elite , Plácido Domingo e bufê requintado. Para o povão, Wesley Safadão...Será que vão oferecer pelos menos um copo d'água para os eleitores do governador???
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Inspetor Gustavo Simplicio Moreira 16/08/2012 12:43
Aos súditos do Rei, a dinastia Ferreira Gomes promoveu um baile para alimentar a sua requintada platéia, que vivia desde sua ultima viagem a Europa, um grande maramo.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Inspetor Gustavo Simplicio Moreira 16/08/2012 12:43
Plácido Domingos, atração da noite, um dos maiores tenores do mundo veio apenas para o deleite da nobreza e a burguesia Brasileira, com suas roupas luxuosas e maquilagens sofisticadas puderam usufruir todos os prazeres que a corte proporcionou
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Ver mais comentários
20
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

Mais comentadas

anterior

próxima