Concorrentes em licitação da Prefeitura de Fortaleza 06/01/2014

Empresas que participaram de licitação da PMF usam mesmo endereço

A empresa LA Brasil tem como sede um imóvel no bairro Dionísio Torres para guardar seus carros. O mesmo local aparece como um dos endereços alternativos de sua concorrente na licitação, a Locadora de Autos Ceará (Lauce)
notícia 14 comentários
{'grupo': ' ', 'id_autor': 16449, 'email': 'hebely@opovo.com.br', 'nome': 'H\xe9bely Rebou\xe7as'}
Hébely Rebouças hebely@opovo.com.br
{'grupo': 'ESPECIAL PARA O POVO', 'id_autor': 18826, 'email': 'politica@opovo.com.br', 'nome': 'Bruno Pontes'}
Bruno Pontes politica@opovo.com.br
FABIO LIMA
Sede da empresa LA Brasil também é utilizada com um dos endereços alternativos da Locadora de Autos Ceará (Lauce)
Compartilhar

As duas empresas que chegaram à reta final da licitação da Prefeitura de Fortaleza para aluguel de veículos têm algo em comum além do interesse em fechar contrato de R$ 68,9 milhões com o Município. A LA Brasil, denunciada por supostamente usar um laranja como sócia, e a Locadora de Autos Ceará (Lauce), derrotada na última etapa do certame por não ter aparecido para entregar os documentos, utilizam o mesmo endereço.

 

A LA Brasil – que presta serviço à Prefeitura desde a gestão passada e foi habilitada, em dezembro, para continuar como locadora oficial do Município – utiliza um imóvel no bairro Dionísio Torres para guardar seus carros. O mesmo local aparece como um dos endereços alternativos de sua concorrente na licitação, a Lauce, conforme revela consulta feita ao cadastro do Serasa.


Outro detalhe é que o imóvel no bairro Dionísio Torres consta, em diversos guias disponíveis na Internet, como sede de outras duas locadoras de veículos: a Trapézio e a Movement. Documentos e processos da Justiça Estadual e do Tribunal de Contas dos Municípios mostram que as empresas tinham ligação com o suplente de deputado estadual Adail Carneiro, identificado como representante legal da Trapézio e como sócio da Movement (ver texto abaixo).


A Trapézio e a Movement não participaram da licitação da Prefeitura, ao contrário do que fizeram a Lauce e a LA Brasil. Esta última aguarda o resultado da análise de recursos para ser homologada, ou não, como vencedora da concorrência pública.

 

Denúncias

No início de dezembro, a locadora Brasil foi denunciada pelo vereador Capitão Wagner (PR), que apontou que a sócia majoritária, Cícera Fernanda Pires Silva, seria apenas um laranja. Segundo ele, a mulher receberia R$ 350 mensais como pensionista da Prefeitura de Russas. O gerente da locadora, José Vicente da Silva Júnior, disse que houve “distorção da realidade” e que Cícera chegou a receber como pensionista, mas somente até 2007, antes de virar dona de 90% das cotas da Brasil, cujo capital social é de R$ 5 milhões.

 

Por telefone, O POVO conseguiu localizar a mulher, que disse estar “sem tempo” e não quis dar entrevista. O número de telefone corresponde a um município do Interior. Questionada sobre o caso, a Prefeitura alegou, por meio de sua assessoria, que foi aberto o prazo para recurso contra a licitação e somente após essa análise é que a Comissão de Licitação poderá homologar o resultado. Com relação a suspeita em torno da propriedade das locadoras, a Prefeitura afirmou que “não tem como impedir a participação de empresa que esteja funcionando legalmente e ativa. Qualquer empresa que cumpra as exigências pode participar do processo licitatório”.

 

Serviço

 

Central de Licitação da Prefeitura de Fortaleza

Telefone: (85) 3452.3483

Site: http://compras.fortaleza.ce.gov.br/publico/index.asp

 

Saiba mais

 

O contrato para locação de veículos à Prefeitura é no valor de R$ 68,9 milhões, com vigência de 12 meses.A prestação de serviços inclui o aluguel dos seguintes itens: veículos tipo passeio (vários tipos de motor): 671; Veículos tipo utilitário: 38; Pick-ups: 21; Motos: 247; veículo SUV: 20; Caminhões: 50; Microonibus: 1; Vans: 158.

 

A empresa contratada terá de fornecer motorista e combustível para alguns dos veículos.Os carros servirão a todas as secretarias e órgãos da Prefeitura.Em 2004, a dona da LA Brasil, Cícera Fernanda, disputou mandato de vereadora em Russas, pelo PRP, quando tinha 20 anos e era apenas estudante. Não foi eleita.

 

Russas é também reduto político de Adail Carneiro. Em 2006, ele alcançou a 2ª suplência de deputado estadual, com cerca de 30 mil votos. Em 2008 foi candidato a vice-prefeito do município de Russas. No mesmo ano assumiu a cadeira do deputado Hermínio Resende. Em outra oportunidade, ele assumiu como suplente do deputado Delegado Cavalcante (PDT). No perfil de Adail Carneiro no site da Assembleia, ele também é identificado como “experiente no ramo de locação de veículos”.

Compartilhar
espaço do leitor
CAJU 07/01/2014 09:56
Esse tal Deputado Adail Carneiro, é um tremendo mala sem alça. Já mamou demais nas tetas da PMF, na gestão passada, e agora não satisfeito, ainda quer mais. Pode uma coisa desta?????
CAJU 07/01/2014 09:53
Caríssimos Eleitor Cearense, é chegada a hora dá um limpa no Palácio da Abolição e na Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, retirar de lá esses abutres(com diz RC) do poder. Só tem canalhas e espertalhão safado. Um ou outro é que escapa.
CAJU 07/01/2014 09:35
"Só burro não toma castaniodo"....Só burro não sabe que essas empresas são do tal Deputado Adail Carneiro(MALA). Um tremendo fanfarão das licitações de locação de Veículos na PMF.
Augusto Lima 07/01/2014 09:29
Ministério público está na hora de agir. A corrupção está escancarada de norte a sul do país. É por isso que de repente surgem novos milionários em Fortaleza a cada ano, o Estado cada vez mais pobre e o contribuinte mais sacrificado.
fernanda alencar 07/01/2014 08:59
Ainda tem coragem de chamar os petistas de abutre!!! Prefeito vc é muito pior que eles!!!
Ver mais comentários
14
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde