Mobile RSS

rss
Assine Já
Terceirizados 01/08/2012

Elmano diz que número muda e reafirma transparência

O candidato do PT reconhece que número de terceirizados da Prefeitura não está na Internet, mas diz que gestão é transparente e critica Psol
ANDRÉ SALGADO
Petista prega avanço
Compartilhar

 

O candidato do PT a prefeito de Fortaleza, Elmano de Freitas, defendeu a transparência da atual administração em relação aos terceirizados, ressaltou que há diversos dados disponíveis no Portal da Transparência. Ponderou, entretanto, que o número de contratados muda frequentemente e reconheceu que essa informação não é disponibilizada pela Prefeitura na Internet. “Acho que isso é algo para a gente avançar. Agora, a transparência está posta”.

 

No debate do último domingo, na TV O POVO, Renato Roseno (Psol) cobrou de Elmano compromisso sobre a divulgação, na Internet, das informações sobre número de terceirizados e a lotação de cada um deles. “Faço um convite, um desafio, em nome da transparência, de nos permitir acesso público, através dos canais de Internet, a todos os contratos de terceirização, com o número de terceirizados e com a localização desses terceirizados”.


Elmano reafirmou a informação de que Fortaleza teria 10 mil funcionários nessa situação, conforme disse duas semanas antes, na rádio O POVO/CBN. E completou: “Fortaleza tem Portal da Transparência. Lá estão todos os contratos que o candidato quer ver. Lá estão todos os valores de pagamento feitos”.


Conforme O POVO mostrou ontem, não foi possível localizar as informações sobre número de terceirizados. Ontem, em conversa com a reportagem, Elmano detalhou como chegar até os contratos, por meio do link “despesas”, no campo “informações diárias”. A busca, porém, precisa ser feita por unidade orçamentária e é necessário saber o nome da empresa. Lá há informações sobre cada pagamento, na data, objetivo e valor. Mas não é informado o número de terceirizados. Sobre a localização, no caso das despesas do Fundo Municipal de Educação, Elmano disse que só é possível saber que os funcionários estão lotados nessa área.


O petista, ponderou, contudo, que a quantidade muda, de acordo com a dinâmica da gestão. “Se eu enviar uma relação, é possível que mude daqui a uma semana. Em regra, o número nunca é o mesmo”.


Crítica ao Psol

Elmano ainda questionou a cobrança do adversário. “O Psol estava no governo até 2007 e nunca fez nenhuma crítica a esse modelo, que estava lá em 2005 e está em 2012”.

 

Ele destacou que havia terceirizados no Orçamento Participativo e na Cultura, onde hoje estão pessoas que participam da campanha de Roseno. Ele enfatizou que gente hoje do lado do Psol conviveu, adotou e implantou o mesmo modelo. “Os companheiros do grupo que saiu do PT e hoje está no Psol participaram do governo dessa maneira. E não saíram por dizer que discordavam disso. Não me parece divergência de princípio. É a apresentação de um tema por questão eleitoreira”. O candidato disse que, no mínimo, seria necessária autocrítica.

 

Por quê


ENTENDA A NOTÍCIA


Um dos momentos mais quentes do debate do último domingo, na TV O POVO, foi entre Elmano e Renato Roseno, relativo à divulgação de informações pela Prefeitura sobre os contratos de terceirização.

 

SERVIÇO

 

Portal da Transparência

portaldatransparencia.sefin.fortaleza.ce.gov.br

Contratos: vá ao link “despesas” e busque no campo “informações diárias”. É necessário escolher o órgão e saber a empresa

 

Compartilhar
espaço do leitor
Ricardo Sérgio 01/08/2012 22:59
Pela continuidade de investimentos no ser HUMANO, vou com ELMANO!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Gilmário de Castro Nunes 01/08/2012 15:31
Concurso público já. Continuando do jeito que está não dá. Isto responde o fato dos servidores ( principalmente de SER's ) atenderem tão mal o povo fortalezense. Fazendo o concurso certamente entraria gente QUALIFICADA, coisa que hoje nas regionais pouco vemos na prática. CONCURSO PÚBLICO JÁ.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Marcela Alves 01/08/2012 15:14
O que é claro: não há transparência e a pergunta foi respondida de forma mentirosa. Valeu a iniciativa do Jornal de ir checar a informação.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Alexandre Costa 01/08/2012 14:30
Elmano está tornando a mentira um hábito recorrente. Em 2006, quando Luizianne estava de braços dados com Cid Gomes na eleição estadual, o PSOL já havia rompido!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Eveline Viana 01/08/2012 14:30
Não vale a pena discutir com um candidato fraco como o Elmano, ninguém acredita mais no PT..O Renato Roseno já está fazendo uma campanha mais transparente impossível pois sua campanha é feita por pessoas, por doações que são desmonstradas em seu site..
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Ver mais comentários
13
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor: