Mobile RSS

rss
Assine Já
Partido dividido em apoiar ou não Elmano de Freitas 09/06/2012

Dividido, PTC promove duas convenções amanhã

Em cenário de divisão, o PTC será o primeiro partido a realizar convenção. Por causa da disputa pelo controle da legenda, duas convenções estão agendadas para amanhã. Uma na Câmara Municipal e outra no ginásio do IFCE
IGOR DE MELO
Vereador Marcelo Mendes
Compartilhar

Depois de destituído da presidência estadual do PTC, o vereador Marcelo Mendes (PTC) está de volta ao comando do partido no Ceará. Com isso, aumentam as chances de um dos poucos opositores de Luizianne Lins (PT) se tornar candidato a prefeito e fazer oposição ao projeto do PT também na campanha eleitoral.

 

Divido, o partido está com duas convenções agendadas para amanhã, em locais diferentes. Um grupo não reconhece a convenção convocada por seus opositores.

Uma decisão liminar do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios, do dia 29 de maio, desvalidou o ato do diretório nacional do PTC que, em abril, tirou Marcelo da presidência no estado. O presidente oficial do partido, até então, era o ex-deputado estadual Stanley Leão (PTC) que ontem afirmou não ter conhecimento da decisão liminar. “Se você olhar no site do Tribunal Superior Eleitoral, o meu nome está lá como presidente do PTC”.


Sob o comando do ex-deputado, o PTC havia fechado acordo com o PT para apoiar a candidatura de Elmano de Freitas. Mas o principal objetivo de Mendes é evitar que os cerca de 85 mil votos que a legenda possui em Fortaleza – segundo estimativa do vereador – sejam dedicados a Elmano. “Em uma eleição de segundo turno, essa quantidade de votos pode decidir o resultado de uma eleição”, diz.


Segundo Stanley, a convenção que será realizada amanhã sob o comando de Marcelo não é oficial. “Como ele pode ser presidente? O juiz do TJDFT ainda precisa oficiar o TSE, que precisa oficiar o TRE daqui, que por sua vez precisa notificar a direção nacional sobre o assunto”, argumentou o ex-deputado. Seu grupo realiza convenção do partido também amanhã, a partir das 8h, no ginásio do Instituto Federal de Tecnologia do Ceará (IFCE). Na Câmara, a partir das 9h, acontece a convenção comanda pelo grupo de Mendes. Ontem, os dirigentes do partido passaram o dia inteiro ligando para convocar os convencionais.


Proporcional

Mendes abriu mão de colocar em pauta os rumos do partido na eleição majoritária na convenção de amanhã - que vai tratar apenas da eleição proporcional. “Nós precisamos garantir a legenda para nossos candidatos a vereador e, enquanto isso, analisamos o resultado da pesquisa para prefeito, para termos uma base”, explicou, se referindo à pesquisa que o partido encomendou, incluindo seu nome na lista de pré-candidatos. No dia 17, uma outra convenção deve definir os rumos do PTC na eleição majoritária.

 

Como


ENTENDA A NOTÍCIA


O retorno de Marcelo Mendes ao comando do PTC fortalece a oposição à Luizianne Lins, mas tem caráter liminar. Na prática, futuras decisões do Poder Judiciário podem novamente tirar Mendes da presidência do partido.

 

Saiba mais


Com a destituição de Marcelo Medes pela direção nacional do PTC, em abril, quem assumiu a presidência do partido foi Stanley Leão, ex-deputado estadual. À época, Mendes continuou defendendo candidatura própria do PTC.


De volta à presidência do PTC no Ceará, o vereador Marcelo Mendes promete devolver as funções de presidente municipal do partido a vereadores que ocupavam esse cargos mas também foram destituídos pela direção nacional da sigla, em diversos municípios. Marcelo promete intervir em Maracanaú, Pacajus e Aracati. No caso de Fortaleza, em que o vereador Ciro Albuquerque (PTC) também foi excluído da presidência municipal, o pedido para reempossar o vereador foi protocolado ontem por Marcelo no Tribunal Regional Eleitoral.

 

Serviço

 

Convenções do PTC

Duas convenções agendadas para amanhã:

Na Câmara Municipal de Fortaleza, a partir das 9h

Na ginásio do IFCE, a partir das 8h


Compartilhar
espaço do leitor
João Jaime 09/06/2012 17:36
Foi um golpe duro que o PTC sofreu, mas foi um golpe de mestre a retomada da democracia.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Clécio Oliveira 09/06/2012 15:50
O golpe partiu da nacional, logo após a ida da coronelA(créditos para Ciro Gomes) ao DF. Assim, assumiu, Stan Laurel, digo, Leão, que fez os demais estragos na legenda, golpeando a todos os que não obedeciam aos seus mandos! A briga é por quadradinhos no organograma do poder! E, "PT, fraudações"!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Clécio Oliveira 09/06/2012 15:42
Na realidade, o golpe se deu, à pedido da coronela(créditos para Ciro Gomes), que foi ao DF conseguir tal intento e, assim, sabe-se lá a que 'título', o 'dono' da sigla, nacional, interveio na estadual e, assim, Stan Laurel, por sua vez, interveio nas municipais, de Fortaleza e de Pacatuba e outras!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
bpcAntero 09/06/2012 12:01
O Vereador Marcelo Mendes, um dos poucos a fazer oposição construtiva a isso em que nossa cidade se transformou...foi traido por psrte de seus pares, que agora enchem os $$$ olhos com as promessas de quem quer eleger um poste...
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Pedro Neto 09/06/2012 11:49
É lógico que o pessoal vai para Camara. Oficialmente quem manda é o marcelo
Este comentário é inapropriado?Denuncie
5
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor: