ENTREVISTA 24/09/2016

Dibra se prepara para lançar empreendimentos

notícia 0 comentários
TATIANA FORTES
Wandocyr Romero: mercado de Fortaleza sofreu menos com a crise

A Dibra, empresa do grupo Dias Branco, prepara novos lançamentos. Entre eles, um edifício de 40 andares, com 31 apartamentos, na avenida Beira Mar, no terreno onde ficava o Hotel Esplanada. Outro condomínio de alto padrão deverá ser erguido pela empresa no terreno da Cidade Fortal, na Praia do Futuro, região que é uma das apostas da empresa.

 

Conforme Wandocyr Romero, diretor de Engenharia da Dibra, também há outros projetos em estudo. “O nosso patrimônio imobiliário é muito grande e Ivens (Dias Branco) deixou um legado sem número de imóveis”.


Por isso, diz ele, a empresa tem um grupo de estudos voltados para o mercado. “Só se faz investimento em imóvel se o mercado estiver absorvendo, o momento certo para os lançamentos é o mercado quem dita”, diz Romero nesta entrevista, na qual também faz uma leitura de cenário e fala sobre os planos da empresa.

 

O POVO - Recentemente a Dibra investiu na construção de um condomínio de casas na região das Dunas. Como vocês avaliam este segmento?

Wandocyr Romero - Aqui ainda tem essa tradição da casa, ela passa um sentimento de propriedade e liberdade, mas os terrenos estão cada vez mais escassos para esse tipo de produto. O Alto das Dunas é um produto bem direcionado para quem gosta de casas e já está pronto para morar.

 

OP - Como se explica a relação da empresa com o bairro?

Romero - Vem da crença que Ivens (Dias Branco) tinha do potencial daquela região. O primeiro local que um turista vai quando chega à Capital é a Praia do Futuro. Ela é a referência que as pessoas de fora têm e não tem outra saída, é pra lá que nós estamos caminhando. Quem investir naquele local com os preços que estão sendo praticados hoje, eu diria que está fazendo um negócio com muita valorização e até em curto prazo.

 

OP - Vocês fazem vendas com financiamento próprio. Qual o motivo?

Romero - O grupo está proposto a entrar com o financiamento direto, o que não é muito comum hoje em dia, com taxas muito baixas, abaixo do que o mercado pratica. Nós propomos 120 meses para pagar direto com a construtora, e sem burocracia, com taxas especiais e o preço de um imóvel de alto padrão no Eusébio para facilitar a compra para o cliente.

 

OP - Quais são os planos de vocês para o espaço onde hoje se situa a Cidade Fortal?

Romero - Nós pretendemos oferecer naquele local um condomínio de alto padrão. Estamos na fase de revisão de projeto, para acrescentar melhorias e entregar um empreendimento de alto padrão. Em meados de 2017 podemos entregar um produto naquela região.

 

OP - E quanto ao terreno onde se localizava o Hotel Esplanada?

Romero - Ali temos um dos mais belos e valorizados espaços de Fortaleza, quiçá do Brasil. É um projeto que está sendo desenvolvido para entregar um padrão inovador para a Cidade. Será um edifício de 40 andares, possivelmente o mais alto do Ceará, com 31 apartamentos, um por andar. O projeto ainda não está totalmente pronto mas acredito que será entregue em meados de 2017.

 

OP - Um dos grandes legados da empresa foi o Aquiraz Riviera. Qual a importância desse empreendimento para o Grupo?

Romero - Ele é a joia da coroa, um empreendimento de altíssimo padrão que já nasceu grande e singular. Não existe nada igual no Brasil. Com um campo de golfe oficial com 18 buracos, o único oficial do Ceará. Nós temos lá dentro também um hotel de nível internacional.

 

OP - Há algum outro plano para aquela região?

Romero - Dentro do Aquiraz Riviera, ocorrem lançamentos imobiliários dentro dos lotes multifamiliares com construção de apartamentos. Diria que é um empreendimento em constante mutação, pelo fato de possuir grandes áreas propícias ao desenvolvimento de empreendimentos dessa natureza.

 

OP - Como avalia o momento para o mercado imobiliário em Fortaleza como um todo?

Romero - As construtoras deram prioridade para a venda dos estoques que eram muito grandes, mas acredito que o mercado vai se reaquecer no próximo ano. Os projetos estão saindo da gaveta, de forma que, se chamarmos de crise o que estamos passando, talvez a gente esteja no ponto mais baixo da curva e vamos agora crescer. Em termos de mercado nacional, Fortaleza parece que foi a cidade que menos sentiu a crise. Nós vamos continuar firmes e fortes. O nosso patrimônio imobiliário é muito grande e Ivens deixou um legado sem número de imóveis.

 

OP - Quando vocês pretendem fazer novos lançamentos?

Romero - Como nós temos muitos terrenos, nós temos o grupo de estudos voltado para o mercado, e só se faz investimento em imóvel se o mercado estiver absorvendo, o momento certo para os lançamentos é o mercado quem dita.

undefined

> TAGS: dibra imóveis
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Imóveis