ENTREVISTA. ANDRÉ MONTENEGRO 17/09/2016

Inspiração para inovar

notícia 0 comentários
{'grupo': 'Da Reda\xe7\xe3o O POVO', 'id_autor': 16390, 'email': 'artumira@opovo.com.br', 'nome': 'Artumira Dutra '}
Artumira Dutra artumira@opovo.com.br
MATEUS DANTAS
André Montenegro: inovar significa sobrevivência

Para marcar o InovaConstruir Experience, que será realizado nos dias 27 e 28 de setembro, no Gran Mareiro Hotel, o Sindicato da Indústria da Construção Civil no Ceará (Sinduscon-CE) traz a Fortaleza, pela primeira vez, o chinês Zhang Yue, presidente da construtora Broad Sustainable Building (BSB). A empresa é especialista em edifícios pré-fabricados que vem batendo recordes de produtividade e velocidade de construção. O mais recente foi um prédio de 57 andares em 19 dias. Na entrevista abaixo o presidente do Sinduscon-CE, André Montenegro Holanda, fala sobre o evento que tem o objetivo de aproximar a indústria da construção brasileira das principais técnicas construtivas inovadoras em destaque no mundo, de outras tecnologias, do mercado imobiliário e das expectativas para a economia.

 

OPOVO - O que é o evento InovaConstruir Experience?

André Montenegro - É um evento de inovação que estamos querendo que fique na agenda anual do Sindicato. E para marcar o primeiro estamos trazendo o presidente da empresa chinesa Broad Sustainable Building (BSB), zhang Yue. Essa empresa vem batendo recordes em produtividade, em velocidade de construção. Ela tem mais de 100 patentes em sustentabilidade. O último foi um prédio de 57 andares construído em 19 dias. E a empresa é o carro chefe do evento, que também vai promover o encontro de startups e pesquisadores com empresários do setor e investidores. A programação apresentará cases, além de rodada de negócios.

 

OP - E qual é a tecnologia da BSB?

André - É uma tecnologia de montagem, chamada construção modular. Ele tem uma fábrica de 230 mil metros quadrados (m2) e fabrica tudo antes e depois transporta para montar. A base é o concreto mais estrutura metálica.


OP - E é possível trazer essa tecnologia para o Ceará?

André - É plausível. Não sei quanto tempo levaria.

 

OP - E como seria?

André - O ideal seria abrir uma franquia aqui e montar uma fábrica para atender o Brasil todo. A Broad já tem 60 franquias no mundo. Pode ser que saia uma parceria no Ceará.

 

OP - Como o Ceará se posiciona diante da tecnologia existente hoje na construção civil?

André - Em termos de Brasil nós ocupamos as primeiras posições. Nós somos referência. Nós somos inovadores e estamos inovando com o InovaConstruir, um evento único no Brasil, trazendo a melhor empresa em tecnologia no mundo.

 

OP - E o que o senhor espera desse evento?

André - Eu espero desse evento que ele mostre para as empresas nacionais e cearenses como inovar, como sair da zona de conforto é importante para que as empresas possam sobreviver num ramo tão competitivo. Mostrar que a inovação é uma questão de sobrevivência.

 

OP - O cearense não gosta de inovação na hora de construir um imóvel?

André - É uma coisa do ser humano. O ser humano tende a ficar na zona de conforto, tem medo de correr riscos. E quem inova corre risco.

 

OP - Por que a construção dos empreendimentos é demorada?

André - São dois fatores. Primeiro precisamos sair da construção tradicional e depois, industrializar o nosso processo como um todo e tentar padronizar. Hoje não temos tecnologia avançada para fazer tão rápido quanto seria o ideal.

 

OP – Do que depende uma tecnologia mais avançada de construção?

André - De equipamentos, processos, materiais, treinamento de mão de obra especializada e máquina também.

 

OP - Isso vai reduzir muito a contratação de trabalhadores?

André - Não porque eu vou fazer mais prédios. Isso é mito. Se antes eu fazia um, agora vou fazer dez prédios. Mas a mão de obra tem que ser mais bem treinada.

 

OP - O Ceará ainda não tem a tecnologia de construção chinesa, mas tem a Olé Casas. Como funciona?

André - É uma tecnologia patenteada por nós e já utilizada na construção de mais de 14 mil casas no Brasil todo. Já chegamos a fazer 30 casas por dia. Ela consiste em painéis pré-fabricados de alvenaria. Construímos os painéis e levamos prontos para a obra. Com instalações elétricas e hidráulicas já embutidas. Levamos o painel para a obra e montamos. Podemos montar uma casa em até três dias. Ela pode ser usada em qualquer tipologia de casas. Desde casa econômica até casa de alto padrão. Mas só em construção de casas.

 

OP – Houve muito problema de atraso nos pagamentos do Minha Casa, Minha Vida. Como está a situação hoje?

André - Estão pagando em dia. Nós ainda vamos entregar até o final deste ano dez mil unidades no Ceará.

 

OP - Mas ainda não existe certeza se virá a terceira etapa do programa?

André - O Governo está analisando, trabalhando em cima de orçamento. Se não vier, o desemprego será grande.

 

OP - Como está o mercado imobiliário hoje?

André - O mercado imobiliário está começando a reagir depois de quase um ano e meio muito recessivo. A gente está vendo uma pequena melhora. Notícia boa. Está todo mundo preparado para lançar. O pessoal está só esperando uma melhoria maior.

 

OP - Os bancos estão com dinheiro para financiar imóveis?

André - Só a Caixa Econômica tem R$ 92 bilhões. E nós temos os juros mais baratos do mercado hoje para o comprador final. O problema é que as pessoas não estão querendo pegar os empréstimos.

 

OP - E o momento é bom para comprar?

André - É ótimo. Tem oferta boa, financiamento, condições favoráveis. O meu conselho é para que compre agora porque os preços vão subir e agora você tem uma opção de escolha grande.

 

OP - Como o setor da construção civil avalia a atual situação econômica nacional e o governo Michel Temer?

André - Nós defendemos políticas públicas que beneficiem o setor e a sociedade. Vejo com a efetivação do Temer uma mudança e toda mudança gera esperança. Estamos aqui esperando que o governo dê certo, que sejam feitas aquelas reformas que têm que ser feitas: previdenciária, política porque não dá para administrar um país com 300 partidos. A própria reforma trabalhista porque está um caos.

undefined

espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Imóveis