ORÇAMENTO 30/07/2016

Fazendo as contas para comprar o imóvel a dois

O momento é oportuno. Se a decisão já está tomada, é melhor comprar logo
notícia 0 comentários

Para comprar um imóvel sempre é preciso uma boa dose de controle sobre as finanças pessoais. Quando se trata de mais de um casal, a atenção deve ser redobrada, já que são dois orçamentos para administrar.

 

As instituições financeiras costumam trabalhar com limite para o valor das parcelas de financiamento na comparação com a renda total da família de 25% ou 30%. Marcelo Melo, professor do curso de Economia da Universidade Federal do Ceará (UFC) em Sobral, conta que o ponto mais importante para conseguir ficar abaixo desse patamar é ter atenção aos gastos com o cartão de crédito e o cheque especial. “Essas são duas das armadilhas que mais fazem as pessoas se endividarem”, conta.


Ele recomenda preferir o cartão de débito, por exemplo, e só usar o de crédito caso a pessoa tenha bastante disciplina financeira. Caso aconteça de o comprador entrar no rotativo do cartão, deve procurar negociar a dívida e fazer o parcelamento pela taxa de juros mais baixa que conseguir.


Marcelo lembra ainda que este é um momento oportuno para quem pretende comprar um imóvel e que, se a decisão já está tomada, é melhor comprar logo em vez de economizar para adquirir depois. Isso porque, com a crise, menos pessoas estão comprando e por consequência há mais facilidades e preços mais acessíveis, o que poderá deixar de existir quando o mercado voltar a dar sinais positivos.



undefined

> TAGS: imóveis compra
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Imóveis