CONDOMÍNIO. QUALIDADE 22/07/2015

A qualidade do condomínio depende de você

notícia 0 comentários
{'grupo': 'ESPECIAL PARA O POVO', 'id_autor': 18944, 'email': 'lucianacastro@opovo.com.br', 'nome': 'Luciana Castro'}
Luciana Castro lucianacastro@opovo.com.br
EDIMAR SOARES
LUIZ NETO. (ao fundo, de camisa azul) só aceitou tornar-se síndico se fosse formado um conselho consultivo para o auxiliar
Compartilhar


Que a gestão do condomínio é de responsabilidade do síndico não restam dúvidas, mas o envolvimento dos condôminos nas assembleias e na rotina administrativa podem tornar o trabalho do gestor mais fácil, a convivência mais agradável, além de valorizar o imóvel e diminuir os custos.

 

Antes de tomar uma decisão que interfere no cotidiano, o desafio é reunir os moradores na assembleia. Alguns assuntos exigem um quorum de moradores para a votação, mas a ausência, mesmo total, de condôminos não impede que o síndico defina sozinho sobre outros temas. A convenção de condomínio é que estabelece quais assuntos exigem o mínimo de votos.


Sem conhecer o porquê das deliberações terem sido feitas de uma maneira e não de outra, os ausentes geralmente são os que mais fazem reclamações e exigências incoerentes. É o que afirma Lilian Alves, vice-presidente de condomínio do Sindicato da Habitação do Ceará (Secovi-CE).


Participando das assembleias, as pessoas irão entender melhor o funcionamento do condomínio, perceber que a inadimplência prejudica muito a vida saudável do imóvel, saber o destino das taxas e os itens que mais geram despesas.


“Quem participa se sente parte da comunidade. Ele zela mais pelo lugar, o que diminui os custos com manutenção, pessoas que não vivem a rotina do condomínio não tem essa noção”, explica Lilian.


De acordo com ela, um condomínio mais harmonioso é mais valorizado, pois todo mundo quer morar em um lugar em que as coisas funcionam bem, que as pessoas se respeitam. E isso reflete na hora de vender ou alugar.


Exemplo

Para o auxiliar contábil, Gabriel Martins Araújo, 31, acompanhar as reuniões é uma forma de fiscalizar e contribuir para uma moradia melhor. “Na última assembleia sugeriram aumentar a taxa de condomínio em 30%. Não concordei, apresentei alternativas aos gastos e o reajuste foi de 20%”.

 

De acordo com ele, estar presente nas tomadas de decisões dá respaldo para exigências. “Por exemplo, em uma das reuniões sugeri que fosse instalado um bicicletário, as pessoas que estavam presente concordaram com a ideia e foi feito”, diz.

 

PARTICIPE


CONHEÇA a convenção de condomínio


PARTICIPE DAS assembleias e reuniões


MANTENHA a taxa de condomínio em dia


SUGIRA SOLUÇÕES para os problemas que identificar


MANTENHA UMA boa relação com os gestores


O QUE MELHORA


DA PARTICIPAÇÃO


Imóvel mais valorizado


Condomínio cuidado


Menor custo com manutenção


Ambiente mais agradável


SAIBA MAIS


INQUILINOS SÓ têm direito a voto em assembleia caso possuam uma procuração do proprietário do imóvel. O tipo de procuração varia de acordo com a convenção de cada condomínio.

 

undefined

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Imóveis