VISTORIA 03/12/2014

De olho em cada detalhe

notícia 0 comentários
Compartilhar


Contas a pagar, pia quebrada e pintura faltando. Esses são os problemas mais comuns quando o locador recebe o imóvel. Evandro Alves trabalha com vistoria de imóveis na imobiliária Apsa e diz que “muitos clientes não leem o contrato de locação” e nem sabem que têm de avisar sua saída com 30 dias de antecedência.


André Monteiro, corretor da imobiliária Santa Cecília, acrescenta que é no contrato que o inquilino deve prestar “bem atenção”.


Mas existem aqueles que preferem realizar todos os procedimentos sem intermédio de imobiliária.


É o caso de Mundira Gomes, aposentada. “A gente tem obrigação de deixar tudo no lugar. Mas quando os inquilinos devolvem a casa, vem ferrolho faltando, vidro quebrado e, por medo, prefiro pagar tudo”, diz.


A advogada Bernadete Espíndola diz que é importante contar com uma imobiliária porque se o locatário se recusa a reparar o imóvel, cabe a administradora realizar nova vistoria com o auxílio de oficial de cartório para dar ciência pública do estado do bem.


“A imobiliária poderá promover ações de indenização pelos danos causados, se devidamente contratada e autorizada”, diz. (Beatriz Cavalcante)

 

Saiba mais

 

O LOCADOR PODE EXIGIR do locatário as seguintes garantias: caução; fiança; seguro de fiança locatícia; cessão fiduciária de quotas de fundo de investimento.

 

É VEDADA MAIS DE UMA garantia num mesmo contrato de locação.

 

AS COBERTURAS dependem do que for contratado na apólice e o locador ou imobiliária podem solicitá-las ao locatário. O custo do seguro fiança é em média de uma a duas vezes e meia o valor do aluguel.

undefined

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Imóveis