NEGÓCIOS. O ALUGUEL QUE RENDE MAIS 19/11/2014

Locação por temporada

notícia 0 comentários
EDIMAR SOARES
A empresária Cristiane Rosa espera faturar muito com três imóveis que aluga por temporada
Compartilhar

De 0,6% a 0,7% do valor do investimento. Este é o rendimento de um imóvel utilizado para aluguel por temporada, tirando a média mensal por ano. Para começar a dar este resultado, pode demorar cerca de dois anos, pois se paga manutenção e impostos da casa ou apartamento e em torno de 20% do valor locado para o corretor.

 

É o caso de Cristiane Rosa, empresária do ramo de locação de veículos. Ela tem três imóveis no Porto das Dunas e os loca por temporada. As diárias dos apartamentos variam de R$ 350 a R$ 750, que podem ser divididas entre 6 hóspedes no menor apartamento, até 8 pessoas, no maior. “Eu tenho um imóvel há poucos meses, no máximo um ano. Em dois anos você começa a ter retorno do seu investimento”, diz.


Em época de alta temporada, um apartamento de dois quartos, no Meireles, custa em torno de R$ 300 a R$ 350 a diária. Em baixa, sai por R$ 150 a R$ 200. “Já um apartamento grande a diária seria de R$ 500 a R$ 600”, avalia Magno Muniz, proprietário da Imobiliária Magno Muniz.


Para alugar, inquilino e locador devem estar atentos aos contratos. O documento de locação deve incluir o valor a ser pago e o prazo de permanência no imóvel, que não pode ultrapassar 90 dias, senão descaracteriza o aluguel por temporada. O hóspede também assinará um laudo de vistoria, em que constam todos os objetos da casa locada.


Isso porque os imóveis de aluguel por temporada são mobiliados. “Tem também o contrato de prestação de serviço com o corretor, em que ele recebe 20% e se responsabiliza por receber o imóvel nas mesmas condições em que locou”, explica Muniz.


Dos bairros mais requisitados em Fortaleza estão Meireles e Aldeota. “Quem vem de fora quer ficar na Capital ou praias por perto, como Cumbuco e Porto das Dunas. Já os turistas internos vão para praias mais distantes ou serra, como Guaramiranga”, diz.


Rosa diz que imóvel para aluguel por temporada dá dinheiro o ano inteiro, mas Carnaval, Ano Novo e Semana Santa são as épocas em que o preço é mais elevado e que rendem mais.


Pagamento

A locação por temporada é uma das únicas que permite o pagamento antecipado. O inquilino paga assim que ele entra na casa. Ele ainda paga uma caução de 20% do valor da locação para cobrir qualquer tipo de dano ao imóvel. “O dinheiro é devolvido no checkout”, explica Muniz.

 

As diárias dos apartamentos variam de R$ 350 a R$ 750, que podem ser divididas entre 6 hóspedes no menor apartamento, até 8 pessoas, no maior

 

OPÇÃO


Hotel em família

O imóvel de aluguel por temporada pode ser a opção mais em conta para famílias ou grupo de amigos. “Muita gente prefere porque sai mais barato. Em um hotel, você gasta com tudo, além de ficar cada um em um quarto”, diz Maria Lúcia Forti, superintendente do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis (Creci-CE).

 

Ela ainda afirma que esse tipo de aluguel veio como um concorrente da hotelaria e que para não perder clientes, os hotéis estão baixando os preços e fazendo pacotes especiais para as famílias.


Já o corretor de imóveis, Magno Muniz, discorda. Para ele, aluguel por temporada serve para complementação da hotelaria, por atenderem públicos diferentes. (BC)

undefined

Compartilhar
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Jornal de Hoje | Imóveis