SETOR DE AUTOPEÇAS 10/08/2016

Seis empresas de autopeças negociam fábricas na ZPE do Ceará

As companhias são de São Paulo, segundo Ranieri Leitão, presidente do Sincopeças/Assopeças. Estado também mira em fabricantes de MG e RS
notícia 0 comentários
{'grupo': 'ESPECIAL PARA O POVO', 'id_autor': 18888, 'email': 'atilasantos@opovo.com.br', 'nome': '\xc1tila Varela'}
Átila Varela atilasantos@opovo.com.br


Seis empresas estão negociando a instalação de fábricas na Zona de Processamento de Exportação (ZPE) no Ceará. A informação foi confirmada pelo presidente do Sistema Sincopeças/Assopeças, Ranieri Leitão. “Temos negociações em andamento. As empresas pediram sigilo”, afirma. As companhias são sediadas em São Paulo.


A expectativa é que, com a Autop 2016, feira de autopeças que começa hoje e segue até sábado no Centro de Eventos do Ceará, outras empresas também mostrem interesse em se instalar na poligonal. “Faremos hoje uma explicação sobre o funcionamento da ZPE, mostrar as vantagens. Nosso objetivo é sensibilizar os empresários para que visualizem a exportação como uma oportunidade”, explica. Ele contabiliza, com a feira, a atração de até novas 25 companhias.


“Dentro da ZPE já temos espaço definido, junto ao Governo do Estado, para as indústrias do polo metalmecânico. Há uma mudança de visão das indústrias de autopeças do Brasil em relação às regiões Norte e Nordeste”, reforça Ranieri Leitão.


O polo metalmecânico na ZPE ficará no Setor II Sul da poligonal. Além de abranger o segmento, será sede de empresas do setor petroquímico, calçadista, granito, alimentos e agroindústria.


Após as explanações acerca da ZPE, o assessor para Assuntos Econômicos do Ceará, Antônio Balhmann, destaca que na feira haverá um momento para negociações individuais com os empresários. Ele diz pretende agendar conversas com donos de indústrias de autopeças interessadas em exportar. Além de São Paulo, o Ceará mira nas indústrias do setor de Minas Gerais e Rio Grande do Sul.


Evento

A Autop 2016 deve movimentar acima de R$ 80 milhões. A última edição, realizada em 2014, atingiu R$ 30 milhões em negócios e atraiu 28 mil pessoas. “Mudou o perfil das redes. Em 2014 tínhamos 50% destinado às distribuidoras de autopeças. Agora, temos 100% para as fabricantes. São 135 no total”, aponta.

 

Participam da 15ª edição da Autop 239 marcas, dentre elas multinacionais, fábricas e distribuidores nacionais e regionais. A feira também será palco de palestras técnicas, treinamentos e cursos para gestão e vendas. O evento é direcionado para executivos, profissionais do setor e empresários.

 

> TAGS: autopeças
espaço do leitor
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro a comentar esta notícia.
0
Comentários
500
As informações são de responsabilidade do autor:
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

ACOMPANHE O POVO NAS REDES SOCIAIS

Mais comentadas

anterior

próxima

Jornal de Hoje | Economia