Mobile RSS

rss
Assine Já
SEGURANÇA 27/07/2012

Cuidado ao negociar as milhagens nas páginas virtuais

Compartilhar


Experimente digitar nos sites de busca da internet as expressões-chave “vender milhas”, “comprar milhas”, “vender pontos” ou “comprar pontos”. É grande a quantidade de sites que o buscador apresenta. E no meio de tantas opções, não tenha dúvida, há muitos riscos. A maioria das pessoas que se propõem a realizar esse negócio não se identifica e, às vezes, pode passar informações falsas.


Segundo o advogado Renato Maia, para identificar pessoas e empresas sérias, é necessário fugir de sites e vendedores que não disponibilizam números de telefones fixos. ‘’Não negocie com pessoas que informam apenas o número de celular’’, alerta o advogado.


Renato aconselha também que não se deve entrar em contato com pessoas de anúncios, impresso ou virtual, caso não haja também um endereço de internet. “O site deve conter informações de contato, como telefones, endereço e nome do responsável. Mas só isso não basta. É preciso que o consumidor verifique se o local existe mesmo’’, diz.


A dica do advogado é não se iludir com sites belos e propostas muito baratas. Como o valor da milha é calculado por vários fatores, também é bom fazer uma pesquisa no mercado. (Roberta Figueredo/Especial para O POVO)

 

Compartilhar
espaço do leitor
raquel dantas 27/07/2012 14:14
para começar, vender e comprar milhas/pontos não é permitido pelas companhias aéreas. esse advogado deveria era ter feito outro comentário.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
1
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor:

Mais comentadas

anterior

próxima