Mobile RSS

rss
Assine Já
BNDES 11/05/2012

Crédito de R$ 358 milhões para parques eólicos no Ceará

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou um financiamento para quatro parques eólicos no município de Trairi, no Ceará
EDIMAR SOARES
Parques eólicos do Ceará serão beneficiados com o financiamento do BNDES
Compartilhar


Foi aprovado um financiamento de R$ 358 milhões para quatro parques eólicos em Trairi, no Ceará. O recurso foi autorizado pela diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Os parques fazem parte do Projeto Trairi, que terá potência instalada total de 115,4 MW. Entrará em operação em janeiro de 2013.


Os recursos do BNDES representam 68,4% do investimento total do projeto. Do financiamento, R$ 1,8 milhão será destinado a programas sociais para o desenvolvimento sustentável do território no entorno dos parques, a fim de contribuir para a redução das emissões de gases de efeito estufa por MWh gerado no sistema interligado. Os quatro parques terão 50 aerogeradores produzidos no País pela Siemens Ltda.


As centrais eólicas são: Fleixeiras, com financiamento de R$ 97 milhões; Guajiru, R$ 93,6 milhões; Mundaú, R$ 87,4 milhões; e Trairi, R$ 79,9 milhões. As três primeiras terão capacidade instalada de 30MW e a quarta de 25,4 MW.


Em 2009, as aprovações do BNDES para projetos de investimento no setor de energia eólica foram de R$ 1,2 bilhão, mantendo-se na mesma faixa em 2010. Em 2011, os projetos somaram R$ 3,4 bilhões.

 

O quê


ENTENDA A NOTÍCIA


As centrais eólicas, constituídas em Sociedades de Propósito Específico, são controladas indiretamente pela empresa Tractebel Energia S.A. e diretamente pela Energias Eólicas do Nordeste S.A.

 

Compartilhar
espaço do leitor
Daniel Raviolo 11/05/2012 14:47
Grande potencial de geração de renda para os que compram a preço de banana dunas onde "casualmente" o governo do estado proibiu fazer tudo, menos eólicas que precisam investimentos milionários. E o valor paisagístico das dunas para o turismo, isso não conta?
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Marcelo Sobral 11/05/2012 11:54
A construção de parques eólicos hoje e um grande potencial de geração de renda, tanto para quem trabalha nas empresas que constrói quanto nas regiões onde elas são instaladas, lugares onde não tinha nenhuma expectativa de renda hoje ser ver gerando renda em todos os setores, vamos deixar de ser hipó
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Pedro 11/05/2012 10:25
Qualquer tipo de geração limpa de energia é bem vinda, antes o dinheiro público aplicado aí do que no bolso de um político.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
CML 11/05/2012 09:24
ISSO É UMA VERGONHA !!! A POPULAÇÃO É ABSOLUTAMENTE CONTRA A DESTRUIÇÃO DE SUAS DUNAS E O GOVERNO FINANCIA PARQUES EÓLICOS EXATAMENTE ONDE DEVERIAM EXISTIR OUTRAS PRIORIDADES. EÓLICAS SIM, NAS DUNAS NÃO. EÓLICAS SIM, COM DINHEIRO PÚBLICO NÃO.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
4
Comentários
300
As informações são de responsabilidade do autor: